De acordo com o jornal The Sun, o meia da seleção da Inglaterra, Danny Drinkwater, foi 'brutalmente espancado' em uma balada em Manchester na última semana.

O jogador que pertence ao Chelsea, mas está emprestado ao Burnley foi agredido após tentar sair com a mulher de Kgosi Ntlhe, defensor de 25 anos do Scunthorpe United, que também estava no local.

Kgosi Ntlhe durante partida pela sua equipe | Foto Getty Images

Mesmo depois da moça dizer que estava acompanhada, o atleta de 29 anos insistiu em tentar levá-la para outro lugar: “Eu não me importo, cara. Ela irá para casa comigo”, teria dito Danny a Nthle, antes da briga começar.

Seis amigos de Nthle interviram e começaram a bater no meia, fazendo com que os seguranças da boate retirassem todos do local. Na rua, a situação só piorou para Drinkwater.

"Acertaram ele com um objeto no rosto e no corpo. Estavam batendo muito nele e pulando em sua perna", o deixando com machucados "horrendos". Gritando, inclusive, para quebrarem sua perna, destaca o jornal.

"Sabiam que ele era uma estrela da Premier League (Campeonato Inglês). Foi incrivelmente desagradável, tinha sangue para todos os lados", afirmou uma fonte ao The Sun.

Rosto do jogador após agressões | Foto Reprodução/Twitter

O jogador da seleção inglesa teve lesões nos ligamentos do tornozelo que o impedem de entrar em campo por um mês, além de ficar com um olho roxo, testa inchada, ombros e braços machucados e uma bochecha cortada.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger