Polícia tenta impedir incidentes como na final da Copa Sul-Americana de 2017 | Foto Reprodução
Polícia tenta impedir incidentes como na final da Copa Sul-Americana de 2017 | Foto Reprodução

Em operação iniciada na manhã desta terça-feira (22), a Polícia Civil do Rio de Janeiro prendeu 20 torcedores que organizavam uma invasão ao estádio do Maracanã na próxima quarta-feira (23), quando o rubro-negro decide uma vaga na final da Libertadores contra o Grêmio.

A ação visa cumprir 27 mandados de prisão e 89 intimações do Juizado Especial do Torcedor e dos Grandes Eventos para que suspeitos não se aproximem do estádio. Duas pessoas chegaram a ser baleadas, sendo que um homem acabou morrendo.

Através de monitoramento nas redes sociais, foram identificados grupos que estariam falsificando ingressos e ameaçando roubar torcedores, além de invadir o Maracanã sem pagar entrada. De acordo com informações da polícia, todos os procurados são investigados por formação de quadrilha.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger