Foto André Becker
Foto André Becker

Para realizar um sonho em conjunto com a mãe, a jaraguaense Angela Elisa Schroeder, 44 anos, criou uma vaquinha online para que mais pessoas possam contribuir. O objetivo da campanha é conseguir dinheiro para ampliar a cozinha do estabelecimento das duas, o Schroeder Platz.

Depois de dez anos morando em São Paulo - o último enfrentando uma meningite neurocriptococose, que a deixou quatro meses no hospital - Angela resolveu voltar para a cidade onde cresceu. Trabalhou em empresa, mas não se sentia feliz.

Foi então que sua mãe, Astrit Rahn Schroeder, 72 anos, sugeriu que juntas elas fabricassem e vendessem pão e cucas.

 

 

Astrit, também natural de Jaraguá do Sul, trabalhou muitos anos em uma cozinha industrial e sempre ajudou em eventos na comunidade comandando a cozinha. Ela e o marido não tiveram uma vida fácil, mas trabalharam muito para conseguir criar os quatro filhos.

Fez pão, cucas e biscoitos com receitas de família. Já tentou abrir uma padaria, porém, muitos investimentos são necessários e o sonho foi sendo deixado de lado. Mas tudo mudou quando a filha retornou para a cidade.

O bairro em que vivem, Rio da Luz , tem muitos descendentes de alemães e características fortes nas construções, clubes e comida típica. Começaram vendendo pães e cucas, fizeram almoços e jantares fechados.

A procura cresceu e decidiram abrir um restaurante com comidas típicas, oferecendo almoços aos domingos, além de venderem pães, cucas e biscoitos.

 

 

"Todos os pratos são feitos junto ao espaço da panificação, mas precisamos fazer uma cozinha separada, anexa ao espaço do restaurante. Necessário para manter a qualidade da comida e também uma exigência da Vigilância Sanitária", escreve Angela na vaquinha.

Com o bairro em processo de tombamento, contrataram uma arquiteta e um engenheiro de alimentos para projetar a cozinha do restaurante.

A pandemia chegou e as jaraguaenses precisaram ampliar o local das mesas e passaram a usar, além da área coberta, o gramado em frente a casa para atender os clientes. O novo espaço agradou os clientes e o público do local chegou a triplicar, mesmo com as medidas de restrição.

Richard Mahnke

Por conta disso, mãe e filha se depararam com um projeto pequeno e um local não adequado. Perceberam que seria necessário adequar o espaço e o tamanho da cozinha já projetada.

Angela diz que há muitos pontos que precisam de investimento na propriedade, mas, que a prioridade é a cozinha, para que possam continuar a servir os almoços e jantares do Schroeder Platz.

A meta é conseguir R$ 120 mil, valor necessário para fazer as ampliações necessárias da cozinha. Você pode contribuir fazendo doações através do site vakinha ou fazendo o depósito bancário em uma das contas:

  • Banco: Itaú
  • Agencia: 7206
  • Conta: 19754-8
  • Nome: Angela Elisa Schroeder
  • CPF: 98863940991

ou

  • Banco: Viacredi
  • Agencia: 0101
  • Conta: 9749900
  • Nome: Angela Elisa Schroeder
  • CNPJ: 291029630001 88

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul