Jogador visitou as obras do centro esportivo no mês passado | Foto Eduardo Montecino/OCP News
Jogador visitou as obras do centro esportivo no mês passado | Foto Eduardo Montecino/OCP News

“Sinto dever de ajudar Jaraguá do Sul, porque fui muito ajudado”. Foi com esta frase que Filipe Luís fechou a coletiva de apresentação do seu Centro Esportivo à imprensa.

De férias em Jaraguá do Sul após a conquista da Copa América com a seleção brasileira, o jogador de 33 anos esteve no local pela primeira vez, na manhã desta quinta-feira (11), e contou todos os detalhes do projeto que está sendo erguido no bairro São Luís.

Baseado no tenista Rafael Nadal, que mantém uma escola de alto rendimento na Espanha, o jaraguaense traz o seu mais novo empreendimento como um presente para cidade, a qual cresceu e carrega com grande carinho pelo mundo afora.

Com investimento de 1 milhão de euros (aproximadamente R$ 4,2 milhões), a área, localizada na rua Carlos Tribess e com mais de 7 mil m2, terá um espaço destinado à comunidade com aluguel de quadras, quiosques, bares e lojas.

Galpões onde ficarão as quadras de society já foram levantadas | Foto Eduardo Montecino/OCP News

Mas principalmente trará um cunho social, com a captação de jogadores para atingirem o mais alto nível técnico dentro do futebol.

“Comecei a jogar em Jaraguá com 7 anos, mas tive que sair da cidade para poder ir a um clube grande e tentar ser jogador. Aqui (Centro Esportivo) queremos pegar jogadores e ensinar a jogar pra chegarem prontos em algum clube. Vai ser uma coisa única para atletas de toda região”, disse o lateral-esquerdo.

Mas não é só isso. O jogador quer aproveitar o crescimento do futebol feminino e implementar um projeto inovador no município para engrandecer ainda mais a modalidade.

“Temos projetos e vamos estudar como podemos fazer isso. Não queremos roubar atletas de outras escolinhas e sim fazê-los crescer para que possamos ter outros grandes jogadores na cidade”, ressaltou.

Estrutura e previsão de entrega

No primeiro momento, o Centro Esportivo Filipe Luís terá três campos com dimensões oficiais de futebol society e mesmo tipo de grama utilizada na Arena da Baixada, estádio do Athletico-PR, onde funcionará uma escolinha de futebol, comandada pelo técnico Maneca.

“Ele foi o cara que me ensinou a pisar na bola, dominar, que são coisas que eu uso hoje e ainda estão por cima da média no futebol. Não tem ninguém melhor que ele para poder ensinar e evoluir os atletas”, declarou Filipe.

Além disso, o investimento prevê uma quadra de areia para prática de futevôlei, beach tennis e vôlei, estacionamento aberto e coberto, oito vestiários e playground.

Futuramente, o objetivo da família Kasmirski é ampliar o negócio com quadras de tênis, paddle e outras estruturas que transformarão o local em um complexo esportivo.

Boa parte da infraestrutura inicial está pronta, assim como os quiosques inspirados na Granja Comary, sede da seleção brasileira. O projeto estava com previsão para ser concluído no fim de agosto, mas deve ser adiado para o mês seguinte por um desejo do jogador.

“Quero estar aqui na inauguração. Também não queremos apressar para que as obras acabem bem. Mas meu grande sonho mesmo é que as pessoas lembrem de mim como uma pessoa que deixou o bem-estar pessoal de lado para poder ajudar a cidade”, destacou.

 

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger