Foto: Giorgio Galano / Alamy Foto de stock
Foto: Giorgio Galano / Alamy Foto de stock

A região de Molise, no sul da Itália, está oferecendo 700 euros por mês (R$ 3.133 na cotação atual) para quem se mudar para alguma das cidades da região. O valor é pago por três anos, segundo o jornal inglês The Guardian.

Em contrapartida, o povoado deve ter menos de dois mil habitantes e a pessoa deve se comprometer a abrir um negócio. O objetivo é reestruturar o local, que sofreu com a perda de moradores nos últimos anos.

 

 

Segundo o presidente do local, Donato Toma, as pessoas precisam de infraestrutura e um motivo para ficar. Por isso, cada cidade com menos de dois mil habitantes receberá dez mil euros (R$ 44,8 mil) destinados à infraestrutura e promoção de atividades culturais.

A proposta por parte das autoridades regionais será publicada no dia 16 de setembro no diário oficial e foi autorizada pelo Ministério de Desenvolvimento Econômico, informou a mídia local.

A partir dessa data, os interessados na proposta poderão enviar suas solicitações ao Conselho Regional pelo período de 60 dias.

 

 

Quem promoveu a ideia foi o conselheiro Antonio Tedeschi, membro do Conselho Regional, que pretende repovoar as cem aldeias da região que estão sendo esvaziadas, revitalizar a economia e criar emprego.

Tedeschi disse em redes sociais que "a iniciativa nasceu para deter o triste fenômeno da despovoação" e confia que seja "um primeiro passo até a revitalização" da região.

Fonte: Estadão

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger