Em Guaramirim, mais de 1,4 mil pessoas deixaram de realizar a aplicação da segunda dose (D2) do imunizante. Por isso, a Secretaria de Saúde de Guaramirim pede que todos fiquem atentos às datas para não deixar de completar o esquema vacinal.

Os moradores que deixaram a data passar e ainda não tomaram a D2, devem procurar a Central de Vacinação (instalada nas dependências do Ginásio de Esportes Prefeito Rodolfo Jahn) para fazer a imunização. É importante levar os documentos e o cartão de vacinação.

Foto: Divugação/PMG.

 

É necessário aplicar as duas doses dos imunizantes da AstraZeneca e CoronaVac para garantir a imunidade contra o coronavírus. Ao todo, 993 pessoas que receberam a primeira dose da vacina Oxford-AstraZeneca e 461 pessoas que receberam a CoronaVac estão com a imunização pendente.

A pessoa que não completa o esquema vacinal fica mais vulnerável à infecção pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2) do que aquela que recebeu as duas doses. Ou seja, além de se expor ao risco de ser contaminado e adoecer, essa pessoa não ajuda a controlar a circulação do vírus.

E tem mais: a vacinação incompleta pode criar um ambiente propício para o surgimento de variantes ainda mais resistentes do coronavírus.

Confira o número de pessoas que não compareceram para receber a 2ª dose da vacina da Covid por faixa etária em Guaramirim:

Oxford-AstraZeneca

  • 80 anos ou mais: 23 pessoas
  • 60 a 80 anos: 200 pessoas
  • 40 a 60 anos: 713 pessoas
  • 20 a 40 anos: 57 pessoas

CoronaVac

  • 80 anos ou mais: 13 pessoas
  • 60 a 80 anos: 84 pessoas
  • 40 a 60 anos: 116 pessoas
  • 20 a 40 anos: 248 pessoas

*Com informações de assessoria de imprensa.