Vice-campeão paranaense com o Toledo, meia Júlio César é um dos reforços | Foto Divulgação
Vice-campeão paranaense com o Toledo, meia Júlio César é um dos reforços | Foto Divulgação

O elenco do Juventus para Série B do Campeonato Catarinense ganhou mais duas peças. O clube acertou na sexta-feira (26) a contratação do lateral-esquerdo Tatto e do meia Júlio César, que chegam ao estádio João Marcatto na próxima semana para assinar contrato até o fim do Estadual.

Tatto jogou as últimas três temporadas no Pelotas | Foto Divulgação

Gaúcho de Frederico Westphalen, o experiente Juliano Ritter Tatto, de 31 anos, defendeu equipes de seu estado natal em grande parte da carreira, como Caxias, União Frederiquense, São Gabriel, Riograndense, Cruzeiro e São Luiz.

Em uma das poucas experiências fora do Rio Grande do Sul, Tatto jogou no Concórdia, em 2015.Nos últimos três anos, ele esteve no Pelotas (RS).

Já Júlio César Moraes Silva, de 26 anos, veio do Toledo (PR), que fez uma campanha histórica no Campeonato Paranaense ao ser vice-campeão, perdendo nos pênaltis para o Athletico-PR.

Júlio César atuando pelo Toledo | Foto Divulgação

Além do Toledo, o meia carrega passagens por Gaúcho (RS), Foz do Iguaçu (PR), Guarani (RS), Marcílio Dias, São Luiz (RS), Operário de Mafra, Hercílio Luz, Rio Branco (SP) e Santo André (SP).

Com a dupla, o Tricolor chega a dez reforços para Série B. Antes, foram anunciados os goleiros Lúcio (ex-Aimoré-RS) e Willian (ex-São Gabriel-RS); lateral Jheferson Falcão (ex-São Luiz-RS); zagueiro Junior Fell (ex-FC Cascavel-PR); e meio-campistas Jô (ex-Rio Preto-SP), Mikael (ex-Passo Fundo-RS), Leandro Canhoto (ex-Aimoré-RS) e Jéferson Paulista (ex-Rio Preto-SP).

Renovação de patrocínios

Além dos reforços, a diretoria confirmou novidades para fora das quatro linhas. As empresas Orbenk e Ceaclin renovaram contrato com o clube e segue como patrocinadoras até o fim da temporada.

A Orbenk estampará sua marca nas costas da camisa, abaixo do número, enquanto a Ceaclin ficará na altura do ombro.

Elas se juntam a Leier, Topsun, Sicredi e Erva Mate Rei Verde, que já haviam fechado acordo com o clube.

“O mais importante para o clube são justamente as pessoas que acreditam no projeto. A Orbenk e Ceaclin acreditam no potencial do clube e o quanto pode ser importante para a cidade retornar à elite do futebol catarinense”, destacou Cristiano Humenhuk, presidente do Juventus.