Foto Reprodução
Foto Reprodução

Se você é daquelas pessoas que curte o gênero horror, seja os filmes, livros, quadrinhos, roupas ou objetos de decoração, saiba que está para chegar um serviço de streaming perfeito para você.

O Brasil está prestes a ganhar uma plataforma de filmes e séries voltado inteiramente ao horror. O aplicativo Darkflix, cuja versão inicial pode ser lançada até o fim deste mês, entra no mercado bastante focado no gênero de terror.

Para deixar tudo ainda mais macabro, o catálogo inicial terá 666 títulos. O serviço também inclui um canal online com programação 24 horas que vai funcional como um canal de TV e uma plataforma para leitura de histórias em quadrinhos.

Foto Reprodução

O projeto da Darkflix é uma aposta da empresa DRK Entretenimento, do empresário Ernani Silva, que trabalha com distribuição de filmes há mais de trinta anos no Brasil.

Clássicos do cinema, séries de TV, produções nacionais, conteúdos independentes e filmes de grandes estúdios, integraram o catálogo da plataforma.

Dentre as obras já anunciadas para o catálogo estão às três primeiras versões de Além da Imaginação, Godzilla (1954), Donnie Darko (2001) e Chamas da Vingança (1984).

Desde o início do ano, a página do Facebook e a conta oficial do Twitter do projeto estão divulgando novos títulos para o catálogo. O contato com o público geralmente é intermediado pelo mascote da empresa, uma criatura chamada Würlak.

Para quem já está curioso querendo o aproveitar o conteúdo "dark", pode fazer um cadastro no site, para receber notificações quando o serviço for lançado.

Dados necessários para o pré-cadastro | Foto Reprodução

O serviço ainda está em uma fase de testes. A ideia é lançar inicialmente o aplicativo, em que será possível acessar gratuitamente um canal com uma programação 24 horas de curtas-metragens, documentários, filmes e séries.

O streaming, em que o público poderá escolher o que assistir na hora que quiser, tem previsão de chegar ao serviço 60 dias depois e será pago. A expectativa é que o acesso ao catálogo saia por R$ 9,90 ao mês.

Fonte: A Escotilha

 

Quer receber as notícias do Por Acaso no WhatsApp? Clique aqui!