Por Nelson Luiz Pereira_conselheiro editorial do OCP

 

Sempre comprometido com os interesses da comunidade, o OCP publicou matéria orientativa acerca da 23ª Campanha de Vacinação contra a gripe Influenza em todos os municípios catarinenses, cuja imunização seguirá até 9 de julho do corrente ano.

Ressaltamos que todo cidadão que observa e cumpre as determinações das autoridades sanitárias, no tocante à vacinação de qualquer doença, está praticando um gesto de cidadania, pois não está protegendo só a si próprio e sua família, mas, a sociedade.

A vacinação contra a gripe, iniciada na segunda-feira (12), é tão importante quanto qualquer outra, pois é primordial para blindar o organismo contra agentes infecciosos e bacterianos, fortalecendo o sistema imunológico. Portanto, em meio a uma pandemia sem precedentes, como a que vivemos, o compromisso da vacinação nunca se fez tão premente.

Ademais, cabe evidenciar que nenhum cidadão pode alegar desconhecimento da lei, tampouco, alegar falta de informação. Vacinação é um direito fundamental previsto na Constituição Federal. Destaca-se também que a vacina contra a gripe, é uma das mais seguras e eficientes no quesito prevenção.

De acordo com estudos especializados, ela pode reduzir em até 45% o número de internações por doenças relacionadas, e até 75% a mortalidade. A meta do governo catarinense é vacinar 90% da população que faz parte dos grupos prioritários. Entretanto, dados históricos de nossa comunidade têm revelado que o percentual de adesão tem deixado a desejar.

É preciso, então, reverter essa marca negativa, e isso só será possível com conscientização, responsabilidade, senso de proteção e valorização à vida.