Resumo da notícia

  • Ao todo, 183 policiais militares trabalharam na festa
  • PMs de São Bento do Sul e Joinville reforçaram o efetivo
  • Poucas ocorrências foram registradas nos 11 dias de festa

O 14º BPM (Batalhão de Polícia Militar) avaliou como positivo o trabalho de segurança na 31ª edição da Schützenfest, que terminou no domingo (17). De acordo com as informações, o evento teve poucas ocorrências policiais, na maioria brigas e flagrantes de posse e tráfico de drogas.

Ao todo, 183 policiais militares trabalharam durante o patrulhamento dentro e fora do Parque Municipal de Eventos. Além de policiais militares do 23º Batalhão de Polícia Militar, de São Bento do Sul, a festa foi patrulhada por PMs do Esquadrão de Polícia Montada da 5ª Região de Polícia Militar, de Joinville.

O comandante da 1º Companhia do 14º BPM, tenente Anderson Andrey da Silva, destaca que a característica familiar da Schützenfest acaba refletindo no pequeno número de ocorrências durante os 11 dias de duração do evento.

Esquadrão de Polícia Montada da 5ª Região de Polícia Militar, de Joinville, reforçou o efetivo | Foto: 14º BPM/Divulgação

“Ao contrário de outras festas do gênero, a Schützenfest é praticamente toda familiar. As sociedades de tiro são compostas por famílias que participam diretamente do evento. Ela é naturalmente ordeira, com uma força cultural gigante”, comenta o oficial.

Andrey reitera que essa característica familiar somada à característica ordeira do jaraguaense acabam refletindo na boa segurança da festa. Ele afirma que a PM fica ainda mais atenta nesse período. As poucas ocorrências registradas tiveram uma resposta dada pelos policiais militares.

"É inegável que na parte noturna alguns problemas vão acontecer, é natural do ser humano. Houve brigas, além da posse e tráfico de drogas, mas as situações foram rapidamente controladas pela força policial”, comenta.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Telegram