Durante o turno da noite desta última quinta-feira (22) agentes da GMF foram acionados através da central de emergências pelo fone 153 com uma denúncia sobre assédio sexual que uma jovem estaria sofrendo. Aos agentes, a vítima, uma jovem de 19 anos, informou que o homem, de forma insistente, a abordou em um ponto de ônibus em Coqueiros, com palavras de cunho sexual.

Com a chegada do ônibus no ponto de embarque, a jovem entrou no veículo e o homem embarcou em outro ônibus que vinha logo em seguida. Ao sentar no ônibus ainda na parte dianteira, a jovem teve uma crise de choro, momento em que o motorista e cobrador percebem a situação e oferecem auxílio. Ela então relata o ocorrido e a partir daí, a central é comunicada e a GMF é acionada.7

 

 

Vítima entrou no ônibus e foi amparada pelo motorista e pelo cobrador | Foto Divulgação/GMF

 

Como todos os ônibus possuem GPS e câmeras que monitoram em tempo real, foi possível interceptar e identificar rapidamente o ônibus que o suspeito havia embarcado. Ao chegar no Terminal Integrado do Centro (TICEN), o motorista desse veículo, já ciente da situação, fechou as portas para que o mesmo não saísse do ônibus até que a guarnição chegasse até o local.

O homem foi encaminhado à 5ª Delegacia de Polícia, onde foi lavrado um Termo Circunstanciado. A jovem registrou Boletim de Ocorrência e passageiros testemunharam o ocorrido na delegacia. Qualquer ocorrência pode ser denunciada pelo 153 da GMF ou 190 da PM.

 

Acusado entrou em outro ônibus e acabou detido | Foto Divulgação/GMF

 

A Prefeitura de Florianópolis informa que 100% da frota de ônibus da Capital conta com GPS e câmeras com sistema integrado ao CCO, o que permite aos fiscais do Consórcio Fênix e aos agentes da Guarda Municipal, o monitoramento em tempo real e atendimento ágil de possíveis atentados à segurança dos passageiros.