O candidato ao governo de Santa Catarina, Décio Lima, participou de evento organizado pelo Conselho das Entidades Empresárias, que compreende a Acij, Acomac, Ajorpeme e CDL), nesta semana.

Décio Lima apresentou suas propostas para impulsionar o desenvolvimento da região e assumiu compromisso com as demandas da entidade, principalmente, infraestrutura, segurança, recursos para Hospital São José e melhoria no presídio.

Décio Lima afirmou que no primeiro trimestre de 2017 havia 209 mil empregador, contra 196 mil no primeiro trimestre de 2018, ou seja, em um ano Santa Catarina deixou de ter 13 mil empregadores.

Lima enfatizou que seu governo vai olhar para as MPE como fonte de geração de trabalho, renda e essenciais para o desenvolvimento econômico.

“Vamos estabelecer uma Nova Convenção, em conjunto com o Setor, para ampliar o número de micro e pequenas empresas em SC, consequentemente, isso vai gerar mais empregos e renda”, disse.

O candidato afirmou que o Estado possui 200 mil MPE com dívidas em atraso.

“O nosso governo estabelecerá uma Nova Convenção para a cooperação do saneamento das dívidas em atraso para que as MPE possam novamente investir e contratar trabalhadores. Vamos criar o Banco do Povo e oferecer crédito, mais barato possível, para impulsionar o crescimento das MPE”, garantiu.

*Com informações de assessoria de imprensa

Leia mais:

Merisio assume compromissos com Joinville na Acij

Mauro Mariani foca em infraestrutura e saúde em encontro com empresários de Joinville

 

Quer receber as notícias no WhatsApp?