Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O ex-secretário da Casa Civil Douglas Borba, renunciou ao mandato de vereador em Biguaçu na terça-feira (19). Borba havia sido eleito pelo PP em 2016 e estava licenciado da Câmara desde janeiro do ano passado, quando foi nomeado chefe da Casa Civil pelo governo Carlos Moisés (PSL).

O pedido de renúncia entregue por Douglas Borba à presidência da Câmara de Biguaçu foi lido durante a sessão ordinária dos vereadores de terça-feira (19). Na renúncia, Borba destacou que "depois de 12 anos de dedicação ao serviço público, chegou a hora de se desligar da atividade política e que agora vai de dedicar à família e às atividades privadas."

Investigado no caso dos respiradores

O ex-secretário da Casa Civil Douglas Borba é investigado no caso da compra sem licitação de 200 respiradores no valor de R$ 33 milhões pelo governo.

Logo depois que ocorreu a denúncia desta aquisição, o secretário de Saúde Helton Zeferino e o chefe da Casa Civil Douglas Borba pediram demissão de seus cargos e são alvo das investigações de irregularidades na aquisição dos equipamentos, além de outras suspeitas de falsidade ideológica e lavagem de dinheiro.

 

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Mais notícias você encontra na área especial sobre o tema:

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul