Diante dos impactos econômicos causados pela pandemia do coronavírus, o prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt (Podemos), decidiu reduzir o próprio salário pelos próximos dois meses. A medida também será aplicada a secretários e diretores pelo mesmo período.

Segundo Hildebrandt, o corte será de 20% sobre as suas remunerações, e de 10% sobre os salários de secretários e diretores. A iniciativa busca reequilibrar as contas públicas. Recentemente, o prefeito afirmou que o Município deve deixar de receber cerca de R$ 125 milhões em tributos por conta da crise, valor que supera a arrecadação total com o IPTU neste ano, que gira em torno dos R$ 90 milhões.

 

 

Atualmente, Blumenau possui 59 casos positivos da Covid-19. Projeções apontam que nas próximas duas semanas esse número pode chegar a cerca de 370.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Telegram Jaraguá do Sul