Com a pandemia do coronavírus (Covid-19), as pessoas tem utilizado muito seus lares, seja para lazer ou home office. Mais do que nunca, os espaços residenciais tem sido valorizados neste contexto. A procura por adquirir ou trocar o imóvel por outro melhor aumentou a comercialização.

De acordo com o presidente da Associação das Imobiliárias de Jaraguá do Sul (AIJS ), corretor e proprietário da Poder Imóveis, Charles Medeiros, atualmente temos a menor taxa de juros da história, e devido a isso, está mais fácil e mais barato contratar um financiamento.

Ele ressalta que, inclusive, tem aumentado a procura para compra de imóveis, em especial por condomínios, opções que contam com espaços gourmet, residências e terrenos.

Influência do mercado imobiliário no crescimento da cidade

O mercado imobiliário influencia diretamente no desenvolvimento do município, pois gera empregos através da construção civil, que é uma das maiores cadeias produtivas.

Segundo Medeiros, o crescimento construtivo em Jaraguá do Sul é muito ordenado.

"Temos o grande benefício de várias associações de classes, que participam muito ativamente no nosso desenvolvimento, como a Associação Empresarial de Jaraguá do Sul (ACIJS), a AIJS, a Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Jaraguá do Sul (AEAJS), entre tantas outras, além de uma prefeitura participativa que ouve as entidades", afirma.

Um grande avanço para Jaraguá do Sul que ocorreu recentemente foi a aprovação do novo zoneamento urbano, que aumentou o número de gabarito para a construção de prédios, o que contribui para novas oportunidades.

Além disso, ele pontua que, para manter as boas empresas na cidade e atrair investimentos, é preciso também atrair bons profissionais e reter os qualificados, neste item, é necessário manter a qualidade de vida, segurança e saúde, pontos em que a construção civil contribui diretamente.

Valorização dos bairros

Medeiros destaca que, geralmente, depois do centro, os bairros de maior valorização, são os que fazem divisa com o centro da cidade, mas existem bairros com valorização diferenciada.

Num comparativo entre compra e aluguel, em ambos os casos a valorização está diretamente ligada a proximidade com o centro.

Porém, outros itens fazem parte na valorização, tais como: conforto e lazer, qualidade do imóvel, espaço etc. "Nossa cidade é referência nacional na qualidade de vida e segurança, isto valoriza nossa região de uma forma geral", salienta.

Condição de pagamento com juros baixos

O presidente da AIJS garante que é inegável as facilidades atuais, as oportunidades que as baixas taxas de juros proporcionam para quem deseja optar em adquirir o imóvel próprio, Além das mais variadas opções de imóveis, tamanhos, localização, preços etc.

"Antes de comprar, é importante sempre buscar uma empresa e um profissional qualificado. Busque uma imobiliária, assim você poderá fazer uma compra com segurança", finaliza.