Após o Decreto nº 970, editado na última sexta-feira (04) pelo governo do estado, forças de segurança atuantes em Palhoça realizaram uma ação de fiscalização para assegurar e orientar o cumprimento das novas regras de enfrentamento à Covid-19, em diversos tipos de estabelecimentos comerciais.

A Vigilância Sanitária do município acompanhou as polícias Civil e Militar em cerca de 30 vistorias de bares, restaurantes, casas noturnas, food parks, e festas clandestinas.

A iniciativa, liderada pela Polícia Civil, teve caráter orientativo quanto ao horário de funcionamento, restrição de circulação e aglomeração, capacidade máxima e obrigatoriedade do uso de máscaras.

Duas interdições

Segundo a Polícia Militar, em atendimentos de rotina e emergência no mesmo período, foram registradas 76 fiscalizações e duas interdições por irregularidades. “Desde o início da pandemia, em março, a Polícia Militar realiza, em média, 20 operações desse tipo por dia”, explica o Major Rudinei Gonçalves, subcomandante do 16º Batalhão da PM.

A delegada regional Michele Correa Rebelo, lembrou que as operações conjuntas continuarão frequentes. “A partir de 21/12, a Polícia Civil receberá um reforço para atuar na temporada de verão e as forças de segurança compartilharão a delegacia da Pinheira como base, 24 horas por dia”, ressaltou.

Entenda o Decreto

O Decreto estadual nº 970/2020 editado no dia 04 determina, por quinze dias, horário de funcionamento de atividades e serviços não essenciais até a meia-noite, restrição de circulação e de aglomeração de pessoas da meia-noite às 5 horas (exceção para situações de emergência, necessidade ou saúde), ocupação máxima de 70% da capacidade do veículo de transporte coletivo urbano municipal e obrigatoriedade do uso de máscaras em espaços públicos e privados, enquanto durar a pandemia de Covid-19.

 

* Com informações da assessoria de imprensa da PMP

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp