"A situação é crítica"! Com este desabafo, o secretário municipal de Promoção da Saúde, Winnetou Krambeck, subiu o tom para explicar o panorama do coronavírus em Blumenau, que vem se agravando cada vez mais.

Nesta quinta-feira (16), a cidade chegou a 5.077 casos confirmados da doença, um aumento de 160 em relação ao dia anterior. Até o momento, 22 pacientes diagnosticados com o vírus vieram a óbito.

Há exatamente um mês, o município contava com cerca de 1,2 mil casos e seis mortes, ou seja, houve uma explosão de 330% no número de infectados e de 266% na quantidade de óbitos durante o período.

A taxa de ocupação dos leitos de UTI reservados para atendimento de pacientes com confirmação ou suspeita de coronavírus chegou a 86%. Dos 63 leitos disponíveis nos hospitais blumenauenses, 54 estão ocupados.

 

 

"Esses números vêm aumentando todos os dias. Os nossos prontos-socorros estão cheios de pacientes com sintomas da Covid-19, chegando em estado grave. As pessoas não entenderam a gravidade da situação em Blumenau. A situação complicou, é crítica. As pessoas, além de irem para a UTI, estão morrendo", afirmou Krambeck.

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Quer mais notícias do Coronavírus COVID-19 no seu celular?

Telegram Jaraguá do Sul