Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC
Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

Em uma mesma noite, o Juventus sonhou, se frustrou e se orgulhou do que fez mesmo diante de uma eliminação.

Apesar dos desfalques de peças importantes do time titular, o Tricolor foi até o Vale do Itajaí nesta quarta-feira (5) e se mostrou superior ao Brusque na maior parte do jogo de volta da semifinal do Campeonato Catarinense.

Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

No entanto, a luta não foi o suficiente para a equipe reverter o placar do primeiro jogo e avançar para a final inédita da competição.

O Moleque Travesso ficou no empate sem gols com o Quadricolor, no estádio Augusto Bauer, e teve que adiar o sonho de chegar à decisão do Estadual, já que havia perdido o confronto de ida em casa, por 3 a 2.

Como fica

Uma eliminação nunca é boa, mas o Juventus tem muitos motivos para se orgulhar. Afinal, atingiu uma semifinal de Campeonato Catarinense após 14 anos e logo em seu retorno à Série A, na qual não disputava desde 2014.

Agora sem mais competições programadas para temporada, o Moleque Travesso já começa a planejar 2021.

No ano que vem, a diretoria poderá trabalhar com calendário cheio de torneios, com Campeonato Catarinense, Copa Santa Catarina, Série D do Campeonato Brasileiro, e, quem sabe, uma Copa do Brasil, caso seja campeão da Copa SC.

Já o Brusque volta a uma final de Estadual após 28 anos e espera o vencedor de Criciúma e Chapecoense, que se enfrentam ainda nesta quarta-feira.

Mudanças no time titular

Com Marllon recuperado de uma entorse no tornozelo, mas sem os atacantes Itinga e Gustavo Poffo, lesionados, além do zagueiro Felipe Gregório e atacante Fabinho, suspensos, o Juventus começou o jogo bem modificado em relação ao duelo de ida.

Doni formou a dupla de zaga com o capitão Rogélio. Já o volante Mikael entrou no meio-campo, ao lado de Allan Christian, deixando Ronald mais avançado, com Pablo e Denner no comando de ataque.

Primeiro tempo

Apostando em jogadas pelas alas e tentando se impor para inverter a desvantagem do primeiro confronto, o Juventus foi superior na maior parte do primeiro tempo, criando as principais chances até os 30 minutos.

Logo aos 5, Pablo cruzou na área, a bola passou pelos defensores do Brusque e caiu no pé de Denner, que ajeitou o corpo e mandou por cima, perdendo boa oportunidade de abrir o placar.

Aos 30, Marllon quase marcou um golaço olímpico, mas a bola passou raspando o travessão depois de já ter encoberto Zé Carlos.

A partir daí, os donos da casa cresceram na partida e chegaram com perigo, pela primeira vez, aos 32, quando Thiago Alagoano aproveitou domínio errado de Edu e finalizou rasteiro da meia-lua, mas a bola passou perto do poste direito de Hudson.

Foto: Lucas Gabriel Cardoso/Brusque FC

O Juve ainda respondeu aos 40, com Marllon, que recebeu lançamento longo, entrou na área, cortou Ianson e Everton Alemão, mas chutou fraco para defesa tranquila de Zé Carlos.

No entanto, a equipe de Jorginho foi para o intervalo comemorando o empate após dois lances consecutivos do Quadricolor, aos 42 minutos.

No primeiro, Ianson subiu mais alto que todo mundo em cobrança de escanteio e cabeceou no travessão.

Logo depois, Thiago Alagoano teve liberdade pela esquerda, avançou sozinho até a área e chutou na saída de Hudson. A bola carimbou a trave direita e sobrou limpa para Edu, que finalizou por cima e perdeu um gol inacreditável.

Segundo tempo

Precisando da vitória, o Juventus voltou pressionando no segundo tempo. Aos 6 minutos, Marllon cobrou escanteio, Allan Christian cabeceou firme e o goleiro Zé Carlos salvou o Brusque.

O Brusque foi encurralado pelo time jaraguaense e só conseguiu sair para o ataque, aos 14 minutos. Em cruzamento de Marco Antônio, Fabinho ajeitou de cabeça para Edu, que pegou de primeira e a bola saiu com perigo pela direita de Hudson.

Foto: Arthur Netto/Juventus

Após um bom início, o ímpeto ofensivo do Tricolor diminuiu e o técnico Jorginho tentou dar fôlego novo ao ataque, colocando o jovem Jean Felipe no lugar de Pablo.

Porém, a equipe continuava esbarrando na defesa bem fechada do Brusque, que passou a administrar o resultado.

Com isso, Jorginho foi para o tudo ou nada e sacou o zagueiro Rogélio e lateral Marcos Moser para colocar Maninho e João.

Aos 42, o gol quase saiu. Em dividida de Jean Felipe com Zé Carlos, a bola sobrou para Marllon, que bateu em cima de Ianson.

Mas apesar da pressão nos minutos finais, a rede não balançou e o Brusque saiu de campo com a classificação.

Ficha técnica: Brusque 0×0 Juventus

Local: Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)

Data: 05/08/2020 (quarta-feira)
Horário: 19h (horário de Brasília)
Arbitragem: Ramon Abatti Abel, auxiliado por Thiaggo Americano Labes e Gizeli Casaril.
Cartões amarelos: Airton, Rodolfo Potiguar (Brusque); Denner (Juventus)
Brusque: Zé Carlos; Edílson (Gustavo Henrique), Éverton Alemão, Ianson e Airton (Ronaell); Rodolfo Potiguar, Zé Mateus, Marco Antônio, Thiago Alagoano e Fabinho (Dandan); Edu. Técnico: Jerson Testoni.
Juventus: Hudson Jr.; Marcos Moser (João), Rogélio (Maninho), Doni e Luiz Henrique; Allan Christian, Mikael, Ronald e Marllon (Rafael Zuchi); Pablo (Jean Felipe) e Denner. Técnico: Jorginho.


Jogos de volta da semifinal

Quarta-feira (5)

  • Brusque 0×0 Juventus – 19h
  • Chapecoense × Criciúma – 21h30

Artilharia

5 gols – Marllon

4 gols – Itinga
3 gols – Fabinho
1 gol – Denner
1 gol – Mikael
1 gol – Gustavo Poffo
1 gol – Allan Christian
1 gol – Túlio Renan

Tabela

fase

23/01/20 – Figueirense 0×0 Juventus (saiba mais)

21h, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)

26/01/20 – Juventus 3×2 Criciúma (saiba mais)

16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Fabinho (2x) e Denner

29/01/20 – Chapecoense 0×1 Juventus (saiba mais)

19h, na Arena Condá, em Chapecó (SC)
Gol: Marllon

03/02/20 – Tubarão 2×1 Juventus (saiba mais)

20h, no Estádio Domingos Silveira Gonzales, em Tubarão (SC)
Gol: Marllon

08/02/20 – Juventus 2×3 Joinville (saiba mais)

16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Itinga (2x)

16/02/20 – Brusque 1×0 Juventus (saiba mais)

18h30, no Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)

01/03/20 – Juventus 0×0 Concórdia (saiba mais)

16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)

08/03/20 – Avaí 2×1 Juventus (saiba mais)

16h, no Estádio Ressacada, em Florianópolis (SC)
Gol: Mikael

15/03/20 – Juventus 2×0 Marcílio Dias (saiba mais)

16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Túlio Renan e Marllon

Quartas de final

09/07/20 – Juventus 1×2 Figueirense (saiba mais)

15h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gol: Itinga

29/07/20 – Figueirense 1×4 Juventus (saiba mais)

21h30, no Estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis (SC)
Gols: Marllon (2x), Itinga e Allan Christian

Semifinal

02/08/20 – Juventus 2×3 Brusque (saiba mais)

16h, no Estádio João Marcatto, em Jaraguá do Sul (SC)
Gols: Gustavo Poffo e Fabinho

05/08/20 – Brusque 0×0 Juventus

19h, no Estádio Augusto Bauer, em Brusque (SC)

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul