Nesta semana, a praça Ângelo Piazera em Jaraguá do Sul, recebe o projeto "Música na Praça".

Mozart, Bach, Beethoven, Mozart, Schubert, Debussy, Stravinsky, Brahms, Verdi, Wagner e muitos outros famosos compositores terão suas obras executadas de segunda à sexta-feira, sempre das 12h às 13h, em frente ao Museu Histórico Emílio da Silva, no centro da cidade.

Foto: Reprodução/PMJS

O projeto, que recebeu o nome de "Música na Praça", tem como principais objetivos difundir a música erudita e proporcionar momentos agradáveis aos jaraguaenses que moram, trabalham ou passeiam no centro da cidade.

 

"Percebemos que muitas pessoas trabalham e fazem suas refeições aqui no centro e, enquanto ficam aguardando o momento de voltar ao trabalho, poderão relaxar ao som das melhores composições eruditas", explica o chefe do Museu Histórico Emílio da Silva, Gleison Collares.

 

A ideia foi bem recebida pela diretoria de cultura e pela secretária de Cultura, Esporte e Lazer, Natália Lúcia Petry.

 

"Quando falamos em cultura, esporte e lazer, estamos também falando de saúde. O esporte melhora a saúde física, da mesma forma que a cultura e o lazer melhoram a saúde mental das pessoas. Estimulamos frequentemente nossa equipe a criar eventos, ações e programas que beneficiem à população. Tudo que for feito neste sentido, sendo viável, terá sempre o nosso apoio", explica.

De acordo com o diretor de cultura, Sidnei Lopes, “as músicas clássicas proporcionarão momentos de relaxamento, contribuindo para uma tarde mais produtiva no trabalho".

Com informações de assessoria de imprensa.