O tempo de abertura de empresas em Jaraguá já não se conta em dias, mas em horas

Foto: Divulgação

Por: Editorial

11/10/2023 - 06:10

 

Quando o poder público simplifica o processo e reduz o tempo de abertura de empresas, há uma série de vantagens para a economia e para os empreendedores. A remoção de barreiras e burocracias desnecessárias, tornam mais fácil para os empreendedores iniciar seus negócios. Isso estimula o empreendedorismo e a inovação, permitindo que mais pessoas transformem suas ideias em negócios.

Com mais empresas sendo criadas, há um aumento na competição, na diversidade de produtos e serviços oferecidos e na geração de empregos. As vantagens não param por aí. Quando o processo é ágil e eficiente, investidores são atraídos e estimulados, resultando em um aumento do fluxo de capital e no desenvolvimento econômico, já que, a criação de novas empresas impulsiona a cadeia produtiva, estimula o comércio local e contribui para o crescimento da arrecadação de impostos.

Outro relevante resultado, é a redução da informalidade e aumento da formalização. Muitos empreendedores optam pela informalidade devido à complexidade e demora burocrática para abrir uma empresa. Ao simplificar esse processo, incentiva-se a formalização dos negócios, trazendo benefícios tanto para os empreendedores, que passam a ter acesso a direitos e benefícios trabalhistas, quanto para o município e Estado, que aumentam sua base de arrecadação e fortalecem a economia formal.

Sensível a essa realidade, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação da Prefeitura de Jaraguá do Sul, tem empreendido esforços nessa missão. O mês de agosto de 2023 fechou com uma marca histórica na política de desburocratização no Município: o tempo médio para abertura de empresa na cidade, que até 2019 era de 8 dias, hoje é de apenas 22 horas. Uma significativa redução que merece enaltecimento.