CDL aposta na Black Weekend para movimentar as vendas nesta reta final do ano

Foto: Divulgação

Por: Debora Volpi

23/11/2023 - 06:11

 

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Jaraguá do Sul promove, nos próximos dias 24, 25 e 26, a Black Weekend: um final de semana inteiro repleto de promoções e descontos de até 70%.

O Black Weekend da CDL faz referência à famosa promoção Black Friday, em que anualmente o varejo oferece altas promoções para os clientes anteciparem suas compras natalinas, sempre na última sexta-feira do mês de novembro. As lojas da região que aderiram à campanha estarão enfeitadas com balões pretos, sinalizando os descontos.

Mais de 40 comércios estão inscritos na iniciativa, incluindo óticas, boutiques de moda feminina e infantil, de calçados, magazines de móveis e até lojas de materiais de construção. Para saber mais, basta acessar: www.cdljaraguadosul.com.

 

Pesquisa aponta que 87% dos brasileiros devem aproveitar os descontos

Nove em cada dez consumidores devem comprar na Black Friday 2023. É o que aponta uma pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em parceria com a Offerwise Pesquisas. De acordo com o levantamento, 87% dos consumidores pretendem fazer compras na data, um aumento de 9 pontos percentuais em comparação ao ano passado.

Segundo os consumidores, a principal razão para participar da Black Friday é a oportunidade de comprar algo que já estava precisando a um preço mais baixo (73%), seguida da vontade de antecipar as compras do Natal a preços promocionais (37%) e querer aproveitar as promoções ainda que sem necessidade de comprar (21%).

A pesquisa aponta também um crescimento nos gastos dos consumidores que pretendem comprar este ano: 45% pretendem gastar mais na Black Friday deste ano comparado ao ano passado; 24%, o mesmo valor; e 23%, menos. Entre os motivos para gastar mais se destacam: 44% por considerarem que vale a pena aproveitar a promoção, 40% economizaram ao longo do ano, 34% têm mais produtos para comprar e 27% porque o pagamento é facilitado.

 

Onda de calor também impacta na economia

As altas temperaturas da onda de calor, que está sendo registrada no Brasil, impactaram as vendas das pequenas e médias empresas do varejo online: somente entre 8 e 16 de novembro de 2023, foram comercializados mais de 93 mil produtos relacionados, como, protetores solares, bronzeadores, bonés, chapéus, óculos de sol, entre outros.

No período observado, a venda de óculos de sol, por exemplo, teve um aumento de 182% em relação a 2022, passando de 18,5 mil para 52 mil itens comercializados. Também houve um aumento de 49% no volume desses itens registrados para venda na plataforma da Nuvemshop.