Antes de qualquer coisa, gostaria de definir culatra. Segundo o dicionário Michaelis (encontrado por ironia, no site da UOL), um dos significados do termo é o seguinte: “Parte posterior e/ou fecho do cano de uma arma de fogo por onde se faz o seu carregamento”.

Pois então minha gente, não poderia deixar passar em branco um dos assuntos que movimentou nossa Jaraguá do Sul na semana que passou.

Estou falando da matéria escrita pelo jornalista Daniel Lisboa, para o UOL Tab, no dia 27 de novembro, onde ele de todas as maneiras possíveis, tenta descaracterizar as raízes culturais da Schützenfest.

Um forasteiro, como ele se auto intitula, que vem para nossa cidade, desfazer ou tentar ridicularizar um dos aspectos culturais mais latentes, trazido por nossos antepassados através das “Schützenvereine”, que nada mais são do que as sociedades de atiradores, que aportaram aqui pelo estado de Santa Catarina no ano de 1850, chegando às terras do Coronel Jourdan no ano de 1906, com a fundação da 1ª Sociedade de Tiro de Jaraguá.

O “nosso” forasteiro, em sua reportagem deu vários tiros que saíram pela culatra, como por exemplo dizer que pertencíamos a região do Vale do Itajaí, querendo relacionar e contextualizar o texto com episódios neonazistas ocorridos naquela região.

Caro jornalista, se você tivesse estudado um pouco de Geografia antes de escrever a reportagem, saberia que pertencemos ao Vale do Itapocu, uma das regiões mais prósperas do estado, com um dos maiores Índices de Desenvolvimento Humano do País.

Além disso, mostrou-se admirado e surpreso pelo fato dos Stands de tiro ficarem na entrada da festa. Bom, se é festa dos atiradores, será que o “forasteiro” queria se deparar com stands de Yoga ou massagem Ayurvédica?

Como se não bastasse, esteve no Camarote da Comissão Organizadora da festa, onde com certeza, fora muito bem recepcionado, fez comentários irônicos sobre cartazes de edições anteriores da festa por lá expostos.

Tentou arrancar através de suas entrevistas com membros das Sociedades de Tiro, aspectos negativos sobre posse e porte de armas e recebeu uma verdadeira “aula” a respeito das diferenças entre uma e de outra, de pessoas que convivem com essa realidade.

Como até então, não conseguira retirar nenhum aspecto negativo, correu atrás de um casal com relacionamento homoafetivo (como ele mesmo relata na reportagem), que passeavam tranquilamente de mãos dadas no evento e até de uma Drag Queen, devidamente “montada”, perguntando como lidavam com a questão do preconceito, levando uma outra “patada”, onde tanto o casal quanto a Drag, disseram não estar sofrendo nenhum tipo de preconceito por parte do público até então.

Senhor Daniel, crianças, idosos, gente de todas as idades atirando? Sim! Mas com auxílio de monitores treinados para estar nos stands de tiro, não como na ideia que você pré-concebeu, de gente atirando para todos os lados ou de “que estaria a caminho de um evento da ANR americana (Associação Nacional do Rifle) no interior do Alabama”.

Com certeza, o intuito do forasteiro de denegrir a festa até então, foram por água abaixo. Tanto é que na reportagem, existem momentos em que ele chega até a fazer elogios.

Como cartada final, ele fala efusivamente na questão política, causando um “imbróglio” com o “desconvite” de Míriam Leitão e a presença de Eduardo Bolsonaro na edição do ano de 2017 da festa, coisas da política.

Fica o convite para que o Daniel se faça presente novamente na 32ª edição da Schützenfest que acontecerá entre os dias 05 e 15 de novembro de 2020. Mas dessa vez, ao invés de ficar somente dois dias, fique uma semana, que ele participe de todas as atividades, incluindo os desfiles que acontecem no domingo pela manhã, para que possa observar nossa festa não superficialmente, mas ela como um todo. Ou quem sabe, durante o ano, vir conhecer nas Sociedades de Tiro as festividades em torno da disputa e da busca das Majestades.

Tenho certeza, que sua concepção do que é uma festa motivada por uma tradição, irá mudar e muito. E que cultura e arte, não se baseia em apalpar um homem nu deitado num museu, ou quem sabe escrever sobre Uma drag queen comunista ou como é ser escritora pornô feminista em meio ao tsunami conservador no Brasil.

No Pirata

A atração do Pirata Rock Bar para este sábado, é Supla, ele que é considerado um dos ícones da música dos anos 80..

Atenção povo do rock, está chegando mais um final de semana e o Pirata Rock Bar preparou com o maior carinho a programação para divertir toda a tripulação e convidados para participar dessa viagem que será da pesada!

Na sexta-feira (29), os bons tempos estarão de volta com o som que embalou as gerações dos anos 60, 70, 80 e 90, com uma noite onde irão rolar os clássicos do rock misturados com muito flashback. No palco da saca, a banda Rock 50 de Barrava’s Beach, irá sacudir a galera.

No sábado (30), ele está de volta aos palco do Pirata Rock Bar. Estou falando o Papito, ele mesmo em carne e osso. Supla, faz a festa na casa do rock, mostrando toda sua irreverência e provando porque é considerado um ícone do rock brasileiro.

Vale lembrar que a censura da casa é de 18 anos, sendo que menores devem ser acompanhados pelos pais. Obrigatória apresentação de documento com foto.

Reservas de mesas e maiores informações é só ligar para o fone: (47) 98407-9266.

The John

Mr. Moonrise faz o som no The John no sábado.

Final de semana movimentado na casinha mais charmosa da Domingos da Nova, com muita gente bonita, descontração, cerveja gelada e aquele atendimento pra lá de especial.

Começando nessa sexta-feira (29), com o show da banda Green Day Cover de Curitiba, que vem ao palco da casa apresentando o seu tributo com a promessa de não deixar ninguém parado. Já tive a oportunidade de assisti-los e posso dizer que os caras fazem um trabalho excepcional e único.

No sábado (30), quem faz o agito é a banda Mr. Moonrise, que tem um repertório especial, com muito Foo Fighters, Pearl Jam, Creed, Queen, Bom Jovi entre outros.

O The John, fica coladinho na Studio FM.

Com certeza é uma boa pedida, né?

Hangar 42

O novo point da city, é o Hangar 42.

Povo que curte o som sertanejo, surgiu um novo espaço na cidade para o pessoal que curte se divertir com boa música, cerveja sempre gelada e toda alegria e descontração. Tô falando do Hangar 42 Pub. O espaço fica nos fundos da Patuá Music num ambiente que foi totalmente criado pensando no povo habituée da noite.

Para esta sexta-feira (29), o som fica por conta de Evandro Lucca e da dupla Bruno e Guilherme, com o melhor do sertanejo universitário.

E o sertanejo não para, pois no sábado (30), quem sobe ao palco da casa são as duplas Bruno & Gabriel e Anderson Oliveira e Matheus.

Lembrando que neste final de semana, 50% do valor arrecadado na portaria da casa, será doado para a pequena Antonella que passa por tratamento de saúde.

O Hangar 42 fica na Rua Adolfo Emmendöerfer 11, nos fundos da Patuá Music.

Maiores informações e reservas podem ser feitos pelo fone (47) 99909 2008.

Fica o convite.

Infarta Madalena

O Boteco Infarta Madalena deve ser o point da temporada verão 2020 em Balneário Camboriú .(foto Diego Jarschel)

O amigo Juliano Vengrzen é só sorrisos com o sucesso do seu boteco Infarta Madalena na cidade de Itajaí, que atrai uma selecionada clientela que busca diversão e as delícias apresentadas no cardápio da casa, num ambiente pra lá de acolhedor e com uma decoração única.

Dentro desse espírito, motivado por todo esse sucesso e como empreendedor visionário que é, Juliano abriu mais uma unidade do seu boteco na semana que passou, na cidade de balneário Camboriú.

Com certeza, o Infarta será um dos points mais badalados da temporada verão 2020 em Itajaí e na “Dubai Brasileira”, Balneário Camboriú.

Para quem quiser conhecer os ambientes, o Infarta Itajaí fica situado na Rua Lauro Muller, 50 e a unidade de BC na Avenida Atlântica, 5020.

Sucesso ao Juliano e equipe!

No Alvorada

No sábado tem bailão em dose dupla da Rainha da Sociedade Alvorada.

A Sociedade Recreativa Alvorada abre suas portas nesse sábado (30), para o tradicional baile de Rainha da Sociedade. Será uma noite com dose dupla, com a banda Pedra no Rim, sucesso da Schützenfest e o Grupo Explosão.

Para quem quiser se divertir pra valer fica registrado o convite por aqui. A Sociedade Alvorada fica no Rio Cerro II, um pouco antes da fábrica da Choco Leite.

Vale lembrar que os ingressos serão vendidos somente na hora.

Futeba Beneficente

No próximo dia 8, tem Futebol Beneficente no Society da Marechal.

No próximo dia 8, tendo por local o Society da Marechal, acontece a primeira edição do Futebol Beneficente. A entrada para o evento pode ser 1kg de algum alimento não perecível ou um Brinquedo novo.

A realização é de Gio Eventos e a programação é a seguinte: às 14h. rola uma partida de futebol feminino, às 15h. futebol dos Músicos, às 16h30min. chegada do Papai Noel com distribuição de brinquedos e petiscos para as crianças.

Após o futebol, a festa rola no Deck Lounge, com o DJ Schorr, Grupo PDN, Evandro Lucca, Jhony Sebastian e a dupla Elton & Fernando.

Fica o convite.

 

Vamos embora, porque a litorina não espera.

Até semana que vem!