Texto escrito por Caio Rangel, CEA da Warren.

Na riqueza e na pobreza, como se diz nos votos de casamento, a importância de ter um planejamento financeiro para o casal é essencial. Ainda que odinheiro não traga a felicidade, ele ajuda em muito na realização de projetos juntos.

Mas afinal, o que é um planejamento financeiro para um casal?

Ele é uma ferramenta de gestão que tem como objetivo alinhar a realidade econômica do casal com seus objetivos e sonhos em comum, seja ele uma viagem, filhos ou até mesmo a aposentadoria.

Com ele, é possível determinar um comprometimento de renda mensal, administrar melhor o dinheiro, gastar menos, poupar certo e investir bem.

Abaixo, mostro alguns passos de como elaborar um planejamento para a vida a dois.

1. Conheça a renda do casal

Transparência é palavra de ordem. É importante que cada um especifique a sua renda líquida e faça uma estimativa dos gastos pessoais. Em seguida, é preciso colocar no papel as despesas relativas à vida a dois, como os gastos da casa, por exemplo.

Nesse momento, pode ser importante definir como será feito o gerenciamento das finanças. Um dos dois será responsável? Haverá a criação de uma conta-corrente conjunta? As contas serão divididas? Estabelecer esses detalhes ajuda a evitar problemas no futuro.

2. Defina prioridades

Definir planos e sonhos é um grande motivador para controlar gastos e manter as finanças em dia. Por isso, é importante que o casal converse sobre sonhos e objetivos de curto, médio e longo prazo, traçando uma estratégia financeira para alcançá-los.

3. Estipule um valor a ser guardado

Depois de definidas as prioridades, é possível ter uma noção dos recursos necessários para viabilizar cada sonho e, portanto, estipular um valor mensal a ser poupado e investido.

4. Não se esqueça da reserva de emergência

Por mais planejado que você esteja, imprevistos e emergências podem aparecer. No meio do caminho, pode surgir uma outra prioridade, como um problema de saúde, por exemplo.

Assim, além da quantia mensal a ser poupada, é recomendado economizar também uma parcela para a criação de um fundo de reserva equivalente a pelo menos seis meses das despesas do casal.

O planejamento financeiro é um aliado valioso na vida a dois, e pode inclusive ajudar a projetar o futuro no longo prazo, como quando a família aumentar de tamanho ou quando você começar a pensar com mais atenção na sua aposentadoria.

E para encontrar as melhores aplicações e tomar as decisões certas em cada momento da jornada a dois, não deixe também de considerar a contratação de um profissional qualificado que pode tornar o planejamento ainda mais prático e rentável para você.

Caio Rangel, CEA da Warren. Contato: caio.rangel@warren.com.br | warren.com.br