As multinacionais jaraguaenses WEG e Duas Rodas foram destaque mais uma vez no Prêmio Valor Inovação Brasil. Na edição 2018, a fabricante de motores elétricos ficou mais uma vez entre as 10 primeiras colocadas no ranking geral, entre mais de 150 empresas listadas pelo jornal Valor Econômico.

A WEG foi a sexta colocada em inovação nacional, subindo uma posição em relação ao ano passado. Já  considerando apenas o segmento de Bens de Capital, na qual se enquadra, a multinacional foi mais uma vez a segunda colocada - a primeira desse ranking é a Embraer, também vencedora geral do prêmio.

O jornal citou que a empresa "direciona cada vez mais os esforços de inovação aos conceitos da indústria 4.0". Foi citado o WEG Motor Scan, sistema de monitoramento das condições gerais do equipamento, um dispositivo que vai se tornando mais preciso e inteligente à medida em que é usado.

“Além de uma série de ações estruturadas no que diz respeito ao desenvolvimento de novas tecnologias, novos produtos, processos, materiais e testes, estamos focados também no desenvolvimento de soluções para a indústria 4.0. Conectados com as necessidades do mercado temos construído uma companhia cada vez maior, melhor e mais competitiva”, destacou o diretor de engenharia da WEG, Milton Castella.

Já a Duas Rodas, líder nacional na fabricação de aromas e ingredientes para a indústria de alimentos e bebidas, ficou na segunda posição entre as empresas da área de alimentos, bebidas e ingredientes.

A premiação, que está na quarta edição, é uma iniciativa do jornal  em parceria com a consultoria global Strategy& (PWC) que reconhece as companhias que se destacam no desenvolvimento de pesquisas e tecnologias. A premiação foi entregue na noite de quarta-feira (4), em São Paulo.

Ranking das mais inovadoras do país:

  1. Embraer
  2. Whirlpool
  3. Petobras
  4. Natura
  5. 3M do Brasil
  6. WEG
  7. Cielo
  8. Aché
  9. Embraco
  10. Bradesco

Vinícola premiada participa de evento em Jaraguá

Entre as vinícolas confirmadas para o o 1º Wine Weekend do Jaraguá do Sul Park Shopping, Nos próximos dias 20, 21 e 22, está a Pericó, de São Joaquim. A marca é vencedora de diversos prêmios nacionais e tem cerca de 20 rótulos disponíveis no mercado.

Com vinhedos a 1,3 mil metros de altitude, ela é reconhecida, principalmente, pelos espumantes brancos e rosés. O público poderá conhece-los durante o Wine Weekend, que ocupará o piso L3 do empreendimento.

O acesso será livre e gratuito.

Indústria precisa se modernizar, diz Fiesc

A indústria brasileira precisa se modernizar, atualizar, investir para gerar emprego e o governo precisa ter uma gestão mais eficiente e menos burocrática para criar condições do retorno ao crescimento.

A afirmação é do presidente da Fiesc, Glauco José Côrte, ao avaliar os resultados do Encontro Nacional da Indústria (Enai), promovido em Brasília, nesta terça e quarta-feira (dias 3 e 4), pela Confederação Nacional da Indústria (CNI)

Industrial joinvillense assumirá presidência da Fiesc

O industrial Mario Cezar de Aguiar, de Joinville, assume no dia 10 de agosto a presidência Fiesc. Na eleição, realizada no dia 29, chapa única liderada pelo empresário foi eleita com aprovação de 97% dos sindicatos de indústria que votaram.

O atual presidente da entidade, Glauco José Côrte, destacou que o resultado da eleição reforça a unidade do setor industrial.

Encontro nacional da indústria destaca urgência de reformas

As reformas estruturantes da economia brasileira não podem ser adiadas e o país precisa com urgência de uma agenda consistente de mudanças, a começar pelos ajustes no sistema previdenciário.

Esta foi a mensagem central apresentada pelos diversos palestrantes no primeiro dia do 11º Encontro Nacional da Indústria (Enai), promovido em Brasília, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), nesta terça e quarta-feira.

Quer receber as notícias no WhatsApp?