O Brasil fechou o mês de agosto com fluxo cambial (volume de divisas em dólares que entram ou saem do país) com saldo negativo de US$ 4,317 bilhões, informou nesta quarta-feira (4) o Banco Central. Em julho o saldo foi positivo em US$ 2,912 bilhões.

A saída liquida registrada pelo canal financeiro, que envolve investimentos estrangeiros diretos, remessas de lucros e pagamentos de juros, entre outras operações, foi de US$ 8,545 bilhões, resultado de entradas no valor de US$ 39,754 bilhões e de retiradas totais de US$ 48,299 bilhões.

Grupo de estudos

A Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia instala nesta quinta-feira (5) o Grupo de Altos Estudos do Trabalho (Gaet), que irá analisar o mercado de trabalho brasileiro.

O objetivo é fazer um diagnóstico da situação atual que servirá como base para o debate a respeito da modernização das relações trabalhistas e para o futuro do trabalho no país.

Ainda mais destaque para WEG

A WEG obteve dois novos destaques esta semana, com a publicação do ranking de maiores e melhores empresas do país da Revista Exame.

A empresa de Jaraguá do Sul ficou em 115º lugar entre as 500 maiores empresas do país em volume de vendas, subindo do 130º no ranking do ano passado, com US$ 1,504 bilhão (R$ 5,836 bilhões, na cotação vigente no exercício) em vendas ao longo do ano fiscal de 2018 - e em 35º no Ranking das 100 maiores exportadoras do país, subindo do 38º lugar que ocupava no ano passado.

Safra recorde

A agricultura brasileira bateu recordes em várias culturas importantes no ano passado, que fizeram com que o valor de produção atingisse o recorde de R$ 343,5 bilhões, alta de 8,3% em relação ao ano anterior.

A informação foi divulgada nesta quinta-feira (5), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na publicação Produção Agrícola Municipal (PAM 2018).

Confiança do Comércio

O Índice de Confiança do Empresário do Comércio (Icec), registrou queda de 1% em agosto e alcançou 114,9 pontos. Segundo a Confederação Nacional do Comércio (CNC), que calcula o indicador, esse foi o quinto mês consecutivo de recuo. Apesar disso, em relação ao mesmo período do ano passado houve alta de 10,8%.

Conforme a CNC, todos os subíndices caíram no mês e o principal destaque negativo, ficou com o referente às condições atuais da economia, que registrou 88,1 pontos e foi o único abaixo da zona de satisfação de 100 pontos. O subíndice teve também a maior variação negativa do mês (-1,5%).

Vínculo empregatício

Nesta quarta-feira (4), o Superior Tribunal de Justiça (STJ) determinou que os motoristas que que trabalham para serviços de transportes por aplicativo - como Uber, 99 e Cabify - não possuem relação trabalhista nenhuma com a empresa. De acordo com a decisão, essa relação de trabalho é puramente autônoma.

O parecer veio em resposta a queixa de um motorista da Uber, em Minas Gerais, que acusou a empresa de ter suspendido sua conta sob o argumento de que ele tinha o comportamento irregular e mau uso do aplicativo.

A suspensão, alegava, teria gerado prejuízos, pois o motorista havia alugado um carro para fazer as corridas.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram