A economia catarinense abriu 940 postos de empregos formais em junho. Foi o quarto mês de crescimento no semestre. Um dado histórico, já que desde 2013 não se criavam vagas nesta época, sendo que, no ano passado, o mesmo período, foi marcado pelo fechamento de 4.020 postos.

Os dados foram apresentados no último Boletim de Indicadores Econômico-Fiscais, elaborado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE).

Com o resultado de junho, Santa Catarina acumula a geração de 49,9 mil novos postos em 2019. Nos últimos 12 meses foram 57,6 mil novos empregos.

Entre os setores econômicos, o maior saldo gerado foi no de serviços, com 891 postos, seguido pela construção civil com 342, e agropecuária, que ampliou 234 vagas no mês.

A indústria de transformação foi a que mais demitiu, fechando 441 postos, seguido pelo comércio com 160 postos a menos.

Governo lança a primeira parte do Pró-Infra

O governo federal lançou hoje (1º), na capital paulista, a primeira parte do Pró-Infra, a agenda de ações de logística, energia, saneamento básico, mobilidade urbana, telecomunicações e habitação popular do Ministério da Economia.

De acordo com o secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos Alexandre Jorge Da Costa, as ações estão baseadas em três eixos principais: reduzir a participação do governo em projetos de infraestrutura; aumentar a presença da iniciativa privada; e fazer planejamento de longo prazo, estável e intersetorial com foco em eficiência econômica.

Premiados

A Rede OCP de Comunicação teve três reportagens aclamadas no prêmio Mérito Imprensa promovido pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Jaraguá do Sul nesta quinta-feira (1º).

O OCP teve duas reportagens vencedoras na categoria "Escrito" e um podcast vencedor na categoria "Audiovisual". Este colunista e a colega Dyovana Koiwaski foram agraciados com troféus.

Boletos

Os clientes de bancos poderão usar boletos bancários para fazer depósitos nas próprias contas.

A medida consta de circular aprovada hoje (1º) pelo Banco Central (BC) e também beneficia clientes de demais instituições de pagamento, inclusive bancos digitais (sem redes físicas de atendimento).

Alguns bancos digitais já oferecem o depósito por meio de boletos, mas a autorização ainda não estava oficializada pelo Banco Central.

Dia dos Pais

O dia dos pais no comércio catarinense será melhor do que o registrado no ano passado, de acordo com levantamento realizado pela Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de SC (FCDL/SC).

A expectativa é de crescimento de até 4% nas vendas, com tíquete médio estimado de R$ 142,57. O otimismo foi sinalizado por 89,31% dos lojistas.

Normas de segurança

A revisão e modernização das normas regulamentadoras (NRs) relativas à segurança no ambiente de trabalho é um avanço para o país e representa uma conquista para o setor produtivo, que participou ativamente do debate do assunto, avalia o presidente da Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc), Mario Cezar de Aguiar.

Ele acompanhou o ato de lançamento pelo presidente Jair Bolsonaro, no Palácio do Planalto, em Brasília, nesta terça-feira (30), e explicou que a entidade foi convidada porque contribuiu com uma série de propostas, que foram incorporadas às normas.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger