Após a saída de Pedro Parente da presidência da estatal, a Petrobras e o governo federal discutem o futuro da petroleira. Técnicos dos ministério de Minas e Energia (MME) e da Fazenda reuniram-se nesta segunda-feira (4) para discutir a criação de uma política de amortecimento de preços dos combustíveis que chegue ao bolso do consumidor.

Esta é a segunda reunião do grupo de trabalho criado para esse fim. A discussão inclui derivados do petróleo, como a gasolina. O acordo firmado com os caminhoneiros para o fim do movimento grevista define a redução de R$ 0,46 no preço do diesel.

Agora, a intenção é incluir também na discussão os demais combustíveis, criando um mecanismo que proteja o consumidor da volatilidade dos preços finais.

Política de Preços

Desde 2016, a Petrobras segue uma política de variação do preço dos combustíveis que acompanha a valorização do dólar e o encarecimento do petróleo no mercado internacional.  Essa política resultou em ajustes quase diários nos preços, em sua grande maioria aumentando os custos, não apenas com o combustível em si, mas com a logística por trás de preços que variavam diariamente.

Com os reajustes, no início de maio, a Petrobras anunciou um crescimento do lucro líquido de 56,5% no primeiro trimestre deste ano, em relação ao mesmo período do ano passado, atingindo R$ 6,96 bilhões.

Apesar das repercussões negativas da política de preços - questionada por consumidores e revendedores, devido à volatilidade e a sequência longa de aumentos que culminou na greve que paralisou o país por quase duas semanas - o governo se mantém firme pela manutenção da política, voltada para acompanhar os preços do mercado internacional e garantir a lucratividade da estatal.

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, a Petrobras se encontra em um dilema, entre suas obrigações ante aos acionistas e suas obrigações sociais.

O subsídio aos preços dos combustíveis, mantido pelas gestões anteriores, atende a demanda da sociedade, mas joga a  conta para os acionistas - ou para os fundos públicos, que tem que tirar o dinheiro de outros programas, como aconteceu para atender a redução nos preços do diesel; o preço regido pelo mercado internacional, por sua vez, sujeita a coletividade a preços oscilantes e elevados para garantir o retorno dos acionistas.

Privatizar ou fechar o capital da Petrobras não estão fora de cogitação e o futuro da petroleira depende das próximas eleições.

Senai e IEL com MBA em inovação para pequenos negócios

O Instituto Euvaldo Lodi e o Sebrae deram início a MBA com foco na inovação para micro e pequenas empresas. O curso tem duração de 360 horas/aula e se estende até 15 de agosto no SENAI de Jaraguá do Sul. Há ainda algumas vagas e interessados podem se inscrever ou obter informações pelos telefones (47) 3372-9454, (47) 3372-9515 e pelos e-mails iel.jaraguadosul@ielsc.org.br e jaragua@sc.senai.br.

Festival Gastronômico de Schroeder em julho

Julho é o mês escolhido para a realização do da segunda edição do Festival Gastronômico de Schroeder. O evento reúne o que há melhor na gastronomia local e será entre os dias 5 e 8, na Praça Christian Mathias Schroeder, em frente à Prefeitura Municipal. Nos quatro dias do evento, os restaurantes atenderão o público das 18h às 23h.

O evento é realizado pela Prefeitura de Schroeder em parceria com a Associação Empresarial (ACIAS) e Núcleo Gastronômico de Schroeder. Além da gastronomia, as bebidas típicas da estação também fazem parte do cardápio e o público poderá degustar vinhos, espumantes, quentão, chopes e cervejas artesanais. O acesso ao Festival Gastronômico de Schroeder é gratuito.

Concarh conta com App para acompanhar exposição

Os participantes do 28º Concarh (Congresso Catarinense sobre Gestão de Pessoas) vão contar com uma ajuda extra para acompanhar as apresentações, conhecer as novidades da Expocarh (Exposição Catarinense de Recursos Humanos) e até interagir com os palestrantes.

O aplicativo oficial do Concarh, já disponível para acesso, foi lançado na edição 2017 do congresso, quando teve cerca de 800 downloads, 400 posts e mais de 5 mil likes. O evento acontece nos dias 5 e 6 de julho, no Centrosul, em Florianópolis.

Brasil cumpre convenções da OIT, garante Yomura

“O Brasil cumpre as convenções da Organização InternacionaI do Trabalho (OIT) e mantém firme seu compromisso com a promoção da igualdade de gênero, afirmou o ministro do Trabalho, Helton Yomura,  nesta segunda-feira (4), na abertura da 107ª Conferência Internacional do Trabalho, da Organização Internacional do Trabalho (OIT), em Genebra, na Suíça. A organização questiona as mudanças da reforma trabalhista.

Bayer planeja concluir fusão com Monsanto esta semana

A Bayer planeja concluir a aquisição da Monsanto em 7 de junho, após o recebimento de todas as aprovações exigidas pelas autoridades regulatórias.

"A aquisição da Monsanto é um marco estratégico para o fortalecimento de nosso portfólio de negócios líderes em saúde e nutrição. Dobraremos o tamanho de nosso negócio agrícola e criaremos um motor líder de inovação na agricultura, permitindo atender melhor nossos clientes e liberando o potencial de crescimento de longo prazo no setor", disse Werner Baumann, presidente do Conselho de Administração da Bayer AG.