A conquista de mais uma cadeira na Assembleia Legislativa e a manutenção de dois representantes da região na Câmara Federal, além do desempenho de candidatos locais no primeiro turno eleitoral, mostraram a importância de mobilizar a comunidade para o fortalecimento da representação política regional. O entendimento é da presidente da Acijs e do Centro Empresarial, Ana Clara Franzner Chiodini, avaliando o resultado das urnas e projetando o segundo turno, principalmente com ênfase na definição do futuro governador do Estado.

Segundo Ana Clara, o movimento resultou da campanha "É de casa! Eleja quem você conhece da região", e foi assertivo no principal objetivo traçado pelas entidades empresariais no esforço pela conscientização de eleitores em direção ao voto útil a candidaturas identificadas com a realidade regional. Aponta que o número de votos conquistados por vários candidatos, diferentemente de eleições anteriores em que votos locais foram pulverizados para nomes de outras regiões, mostra uma adesão positiva dos eleitores à proposta lançada pelas entidades do setor produtivo por mais representatividade.

"A conquista de mais um deputado estadual e a manutenção de dois parlamentares em nível federal demonstram a efetividade da mensagem repassada pela campanha. É um desempenho positivo para que a região possa articular ainda com mais intensidade a defesa de pleitos que já são cobrados há algum tempo, importantes para o desenvolvimento da nossa região, e também tendo nos parlamentares porta-vozes junto à esfera pública do Estado e País para a vinda de recursos de infraestrutura, saúde, educação, e em outras áreas. O objetivo é ter cada vez mais proximidade na atenção às demandas dos municípios da base eleitoral que representam", comenta a empresária.

Para o segundo turno, assinala a presidente da Acijs , o esforço das entidades se mantém concentrado. Na sensibilização aos candidatos ao Governo do Estado para que seja mantido o foco em relação aos projetos que estão em andamento e na atenção a pleitos futuros, e por outro lado no incentivo para que os eleitores retornem às urnas, diminuindo o índice de abstenção verificado no primeiro turno.

OCDE

O processo de adesão do Brasil à Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) teve mais um passo concluído. O governo brasileiro encaminhou ao organismo internacional, que reúne as economias mais industrializadas do planeta, o memorando inicial, que servirá de base para avaliar o alinhamento do país aos compromissos do grupo.

Cosmos

A Cosmos Viagem e Turismo celebra neste mês 40 anos de história e comemora o crescimento do negócio diante do bom momento vivenciado pelo setor. A empresa, fundada em 1982, por Rolando Jahnke, nasceu em Jaraguá do Sul, com o intuito de vender passagens aéreas para o meio corporativo, e teve como primeiros clientes os empresários da região que necessitavam viajar pelo Brasil, e ao exterior, para prosperarem em seus negócios.

Voos

A Latam Brasil iniciará, a partir de 31 de outubro, a rota São Paulo/Congonhas-Joinville com passagens a partir de R$ 181,83 (preço por trecho com taxas inclusas) para viagens em dezembro de 2022, que podem ser adquiridas em latam.com e demais canais de venda. O início dessa rota doméstica faz parte da estratégia da companhia aérea, que segue mais eficiente e preparada para ampliar suas operações de forma concreta e coordenada com o crescimento da demanda dos passageiros por destinos no Brasil, além de ofertar mais e melhores opções de conectividade entre os destinos.

Reciclagem

O Ministério do Meio Ambiente (MMA) abriu consulta pública sobre a proposta de decreto que institui o sistema de logística reversa de embalagens de plástico. As contribuições podem ser feitas até o dia 4 de novembro, exclusivamente por meio da Plataforma Participa +Brasil, do governo federal.

Varejo

O comércio varejista brasileiro recuou 0,1% na passagem de julho para agosto deste ano. Esse é o terceiro resultado negativo do setor, que tem uma perda de 0,8% na média móvel trimestral. Os dados da Pesquisa Mensal do Comércio (PMC) foram divulgados nesta sexta-feira (7), pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Automóveis

A produção de veículos teve alta de 19,3% em setembro na comparação com o mesmo mês de 2021, com a fabricação de 207,8 mil unidades, segundo balanço divulgado na sexta-feira (7) pela Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). No acumulado dos nove primeiros meses do ano, foi registrado um crescimento de 6,3% em relação ao período de janeiro a setembro do ano passado, com a produção de 1,75 milhão de veículos.