Depois de uma análise criteriosa no contrato de concessão do estacionamento rotativo, o secretário de Planejamento e Urbanismo, Eduardo Bertoldi, decidiu impor uma auditoria nas contas da empresa Hora Park. Serão duas frentes; a Controladoria fará uma análise financeira contábil do sistema e a Fazenda fará a auditória tributária. Um dos focos do trabalho é a discordância em relação ao contrato firmado entre o município e a empresa em fevereiro de 2011, no governo Cecília Konell.

A concessão foi firmada por dez anos, podendo ser prorrogada por mais dez. A empresa ficou responsável pela instalação do sistema, administração e pintura das vagas e de uma contrapartida de R$ 556 mil ao município. Mas, segundo Bertoldi, o valor seria prejudicial às contas públicas. Os repasses não seguiram essa sequência, mas dividindo em 120 parcelas (pelos dez anos de contrato), a média de pagamento é de R$ 4,6 mil ao mês. Segundo dados fornecidos pela empresa ao município, o faturamento com as 900 vagas é de cerca de R$ 160 mil mensais. “A Prefeitura recebe um valor muito abaixo do que deveria receber em uma negociação justa. Temos que fazer essa auditoria. Não dá para fechar os olhos”, avalia Bertoldi.

No documento de solicitação de abertura da auditoria, a Secretaria de Planejamento e Urbanismo aponta que em cidades como Chapecó, Porto União e Canoinhas, os repasses da concessionária variam de 20% a 40% em cima da receita bruta mensal. Pelo modelo atual, a Prefeitura de Jaraguá do Sul fica com apenas 2,87% do faturamento com o sistema. Divergências nos relatórios apresentados pela empresa na relação receita bruta x despesa também justificam o procedimento. A auditoria terá prazo de 60 dias para conclusão dos trabalhos.

Guaramirim receberá R$ 630 mil em emendas

O município de Guaramirim teve a confirmação de que receberá R$ 680 mil em emendas parlamentares. Serão R$ 400 mil para a infraestrutura, por meio do deputado Mauro Mariani (PMDB), R$ 130 mil do senador Paulo Bauer (PSDB) e R$ 150 mil do senador Dalírio Beber (PSDB), sendo os dois últimos destinados para a saúde. O valor previsto para infraestrutura será investido na pavimentação de ruas. Já os montantes da saúde serão utilizados para a compra de equipamentos e custeio. O prefeito Luis Antônio Chiodini comemorou a notícia ressaltando a importância da parceria com parlamentares de diferentes siglas. “Nosso partido hoje é Guaramirim, que bom que todos estão comprando essa ideia”.

Divergências apuradas

Secretário de Planejamento, Eduardo Bertoldi, diz que contrato firmado em 2011 com a Hora Park precisa ser revisado. Município fica com menos de 3% do calor arrecadado nas mais de 900 vagas de estacionamento.

Lunelli tem confirmação de recurso para Arena

Cumprindo agenda em Brasília, o prefeito Antídio Lunelli (PMDB) recebeu a confirmação de uma emenda parlamentar, no valor de R$ 800 mil, para infraestrutura da Arena Jaraguá. A proposta da administração é investir este valor na revitalização da área externa, além de melhorias na estrutura da própria construção. Os recursos foram destinados por emenda parlamentar do deputado federal Mauro Mariani (PMDB), que já havia destinado anteriormente R$ 500 mil para a mesma obra.

Na Acijs

O empresário e vereador Ninfo König (PSB) fará um relato sobre sua experiência na vida pública na reunião da Acijs da próxima segunda-feira, às 18h. Fundador de empresas como a Akros (atual Amanco) e com forte atuação ainda hoje em negócios na área de incorporação e administração no setor de hotelaria, também tem participação no associativismo estadual. Já foi presidente da Associação Empresarial de Joinville, vice-presidente da Fiesc e Fascisc. Em 2016, lançou-se à disputa por uma das cadeiras da Câmara de Vereadores de Joinville, sendo eleito com 4.749 votos. E é da experiência na iniciativa privada e mais recentemente na vida pública que König falará na plenária. Será o último encontro da entidade sob o comando de Giuliano Donini, que na terça-feira, dia 13, passa a responsabilidade para Anselmo Ramos, depois de ter feito um belo trabalho e contribuído para temas de interesse da sociedade.

Em foco

  • Na semana do Dia da Mulher, a Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que transforma em crime o assédio em locais públicos, como os casos de homens flagrados se masturbando.
  • Na semana do Dia da Mulher, a Câmara dos Deputados aprovou projeto de lei que transforma em crime o assédio em locais públicos, como os casos de homens flagrados se masturbando.
  • Aliás, a dificuldade em aprovar matérias de interesse das mulheres pode ser explicada pela ainda baixa representatividade feminina na política. Dos 513 deputados federais, apenas 54 são mulheres. No Senado, dos 81 parlamentares, são 13 mulheres.
  • Em Jaraguá do Sul, atualmente, não há mulher no Legislativo, a única eleita, Natália Petry, assumiu cargo no Executivo. A maioria das siglas encontra dificuldade, inclusive, em cumprir a cota de 30% de candidaturas femininas.
  • O prefeito de Guaramirim, Luís Antônio Chiodini (PP), diz que a revisão da planta genérica de valores dos imóveis é necessária e será feita. Porém, vê o tema com cautela e ainda não sabe se a nova tabela estará pronta a tempo de ser aplicada já neste ano.