Foto Divulgação
Foto Divulgação

A córnea é um tecido fino, transparente e resistente localizado na parte anterior dos olhos. Nela, o filme lacrimal se adere e é também na córnea que adaptamos lentes de contato, por exemplo.

Em condições de normalidade permite a passagem de luz dos objetos que desejamos ver, e a regularidade e transparência da superfície corneana são fundamentais para que as imagens não fiquem distorcidas.

O que é ceratocone?

É uma distrofia da córnea que evolui com alterações progressivas na parte anterior desta estrutura. Estas anormalidades levam a alterações na curvatura corneanas causando afinamentos.

Estas alterações de curvatura causam progressivamente um abaulamento corneano levando a formato semelhante a um cone.

Com essa irregularidade, a imagem de um paciente com ceratocone não corrigida leva à visualização de imagens distorcidas.

Esta doença tem prevalência de 4 a 600 casos por 100.000 indivíduos. O histórico familiar está presente entre 6 e 8% dos casos.

Por que devo me preocupar?

O ceratocone compromete muito a visão, e por ser uma doença progressiva a falta de acompanhamento médico pode piorar muito o quadro em poucos anos. Seu aparecimento mais comum é entre os 13 e 18 anos de idade.

O que o paciente deve fazer para evitar?

As consultas com oftalmologista credenciado são essenciais, pois o quadro se inicia com alterações facilmente detectáveis. Crianças desde a primeira infância já devem ser acompanhadas anualmente.

Nos casos suspeitos, o exame de topografia corneana é fundamental no diagnóstico e seguimento, ele permite avaliar as regiões de maior curvatura e comparar com o outro olho.

O uso de lentes de contato rígidas podem corrigir estas irregularidades, e possuímos hoje recursos para parar a progressão nos estágios iniciais como o Crosslinking, por exemplo.

Infelizmente casos que não são diagnósticados a tempo podem não ter tratamento, e evoluir para um transplante de córnea.

Clínica Correção da Visão

R. Leopoldo Malheiro, 172 , no Centro de Jaraguá do Sul | Telefone: (47) 3054-5700

Diretor técnico: Dr. João Roberto A. Machado

CRM 19.798
RQE SC 11.411