Como funciona o tratamento com implante dentário para pacientes que perderam todos os dentes?

Colunistas

Por: Gustavo Dagostim

terça-feira, 10:00 - 13/02/2018

Gustavo Dagostim

A alguns anos atrás, um dos maiores desafios dentro da odontologia era fornecer uma mastigação adequada a pacientes que por algum motivo perderam seus dentes. Infelizmente no passado, a maioria dos problemas dentários eram frequentemente solucionados através de extrações dentárias. Devido a este fato, grande parcela da população é usuária de próteses removíveis, sejam elas parciais também conhecidas como pontes móveis, para pacientes que perderam alguns dentes, ou próteses móveis totais conhecidos popularmente como dentadura, indicadas para pacientes que perderam todos os dentes, seja na região superior ou na região inferior.

A dificuldade de um paciente usuário de próteses totais na região inferior é tremenda e hoje é um grande desafio para quem atua na área. Isso devido ao fato da região inferior não possuir suporte o suficiente para uma boa adaptação, o contato próximo com a língua e a falta de fixação, fazendo com que a prótese se movimente constantemente. Isso gera desconforto ao paciente e insegurança não somente na mastigação, mas, também, em seu convívio social. O grande desafio de adaptar-se com próteses removíveis, principalmente totais na parte inferior, é atualmente um dos maiores motivos pela busca por tratamento através de implantes dentários em consultórios e clínicas odontológicas especializadas na área em todo o país.

A odontologia é uma á a saúde que nos últimos anos passou por um processo evolutivo muito significativo. Há um grande número de profissionais extremamente capacitados em realizar os procedimentos atuais e sua busca constante, através da atualização por novas técnicas e procedimentos, para que seus pacientes cada vez mais possam desfrutar dos benefícios da odontologia. Com essa evolução na área odontológica em associação ao grande número de pacientes com dificuldades em adaptar-se com próteses removíveis, diversas terapias de tratamento foram desenvolvidas até chegar ao tratamento que conhecemos hoje por implantes dentários.

Hoje existe uma terapia de tratamento dentro da implantodontia voltada especialmente para pessoas que por algum motivo perderam todos os seus dentes. Esses pacientes até alguns anos atrás eram obrigados a se conformar em muitas situações com o uso de próteses totais, tanto na região superior quanto inferior, é atualmente um dos maiores motivos pela busca por tratamento através de implantes dentários em consultórios e clínicas odontológicas especializadas na área em todo o país.

A odontologia é uma área da saúde que nos últimos anos passou por um processo evolutivo muito significativo. Há um grande número de profissionais extremamente capacitados em realizar os procedimentos atuais e sua busca constante, através da atualização por novas técnicas e procedimentos, para que seus pacientes cada vez mais possam desfrutar dos benefícios da odontologia. Com essa evolução na área odontológica em associação ao grande número de pacientes com dificuldades em adaptar-se com próteses removíveis, diversas terapias de tratamento foram desenvolvidas até chegar ao tratamento que conhecemos hoje por implantes dentários.

Hoje existe uma terapia de tratamento dentro da implantodontia voltada especialmente para pessoas que por algum motivo perderam todos os seus dentes. Esses pacientes até alguns anos atrás eram obrigados a se conformar em muitas situações com o uso de próteses totais, tanto na região superior quanto inferior. Os implantes dentários são fixados na estrutura óssea do paciente, assim como a raiz do dente natural. Após a instalação das raízes artificiais, temos a possibilidade da fixação das próteses, ou seja, os dentes do paciente. Resumidamente, para se realizar uma prótese fixa na região superior ou inferior em pacientes que perderam todos seus dentes, sã o inseridos um determinado número de implantes que varia normalmente de quatro a seis pinos de titânio. Após esses implantes adquirirem estabilidade necessária no osso do paciente, são instalados então todos os dentes perdidos. Esse tratamento é conhecido pelo nome Protocolo, e hoje é o mais indicado para pacientes que possuem ausência total dos dentes.

É por essa razão que o Protocolo se encontra entre os tratamentos mais procurados dentro da odontologia atualmente e tem devolvido sorrisos e autoestima de muitos pacientes. É realmente gratificante para nós, cirurgiões-dentistas, termos hoje a capacidade e a habilidade de devolver um sorriso, mas o mais fantástico é o paciente possuir novamente a oportunidade de um sorriso natural através de dentes fixos.

×