Neste domingo, dia 25 de julho, a nossa cidade completa 145 anos. Muitas palavras podem ser escolhidas por uma jaraguaense que se orgulha da cidade onde nasceu, descendente de família italiana que escolheu essa terra para constituir o futuro da família. Alemães, húngaros e poloneses também são povos, em grande parte, responsáveis por complementar a riqueza étnica da nossa terra.

Ao falar de Jaraguá do Sul, o sentimento é de orgulho, afinal, estamos correspondendo aos sonhos dos imigrantes que sonharam por dias melhores para suas famílias, acreditando que o trabalho duro daqueles tempos contribuiria para o desenvolvimento da região. Uma cidade que se destaca pelo seu IDHM (Índice de Desenvolvimento Humano Municipal) reflete o perfil da população que foi se constituindo ao longo dos anos, de braços abertos, a cidade recebeu e recebe todos aqueles que aqui chegam e contribuem para o desenvolvimento de Jaraguá do Sul. Nosso município é o 34º no País, na casa de 0,803, enquanto o índice nacional de IDH é de 0,755.

A diversidade, as múltiplas linguagens, a cultura, a tecnologia, a inovação e a educação possibilitam que Jaraguá do Sul seja exemplo de força para lidar com as adversidades que vivemos. Somos mais de 181 mil habitantes, conforme estudo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), desfrutando da tranquilidade de viver em uma das cidades mais seguras do Brasil e a mais segura de Santa Catarina. Conforme dados do Atlas da Violência, a nossa média é de 5,5 mortes a cada 100 mil habitantes.

Outro motivo de orgulho para todos é o nosso robusto parque industrial, com empreendimentos que são referências nos segmentos de metal-mecânica, confecções, parapentes e produtos alimentícios. De nossas empresas saem tendências e inovações que fazem a diferença no mercado nacional e internacional.

Aqui temos a WEG, com um portfólio que abrange de produtos para o lar a geradores eólicos e painéis fotovoltaicos. Em Jaraguá do Sul surgem as desejadas criações da AMC, Live!, Lunelli, Malwee e Marisol. São nossos também os empreendimentos do ramo alimentício Chocoleite, Duas Rodas e Urbano. Trapp, indústria de cortadores de grama; a Sol Paragliders, fabricante de produtos para a prática de parapente; e a Zanotti, que manufatura de fitas elásticas, merecem o nosso registro e admiração.

Se a potência econômica é nítida, da mesma forma a força da natureza se faz presente aqui. A vegetação, cachoeiras e picos que são endereço certo para os apreciadores da contemplação e da adrenalina, com destaque para locais como o Parque Malwee, o Morro Boa Vista, a Rota das Cachoeiras e o Morro da Palha.

Emoção é assunto também para os nossos grandes eventos, como os saudosos Femusc (Festival de Música de Santa Catarina) e a Schützenfest. O avanço da vacinação acende a nossa esperança de podermos retomar, em breve, essas tradições que enchem a nossa querida cidade de melodias, sabores e cores.

Estamos muito bem cotados quando o assunto é ensino. As escolas jaraguaenses têm notas médias acima dos desempenhos nacionais no Ideb (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica). Nosso desempenho é 7, nas séries iniciais, e 5,7, nos anos finais. A média nacional é de 5,9, nos anos iniciais, e 4,9, nos anos finais do ensino fundamental. Já a taxa de escolarização na cidade, na faixa dos seis aos 14 anos, é de 98,3%.

A Ferj (Fundação Educacional Regional Jaraguaense)/Católica de Santa Catarina, com seus 48 anos, continua trabalhando para que a educação de qualidade contribua para as novas conquistas que nossa cidade merece. Parabéns, Jaraguá do Sul! Termino minha mensagem com uma passagem do hino de Jaraguá do sul”: és vibrante, não haverá quem te suplante,teu povo alegre e varonil (...).”

Texto: Vice Reitora da Católica Anadir Elenir Pradi Vendruscolo.

Anadir iniciou a carreira profissional como professora no ensino fundamental e médio. Em 2021, completou 31 anos de trabalho na Ferj (Fundação Educacional Regional de Jaraguá do Sul), mantenedora do Centro Universitário Católica de Santa Catarina. É formada em Ciências Biológicas, especialista na área específica da biologia e na área da educação, mestre em Saúde e Meio Ambiente e doutora em Educação.

Vice Reitora da Católica Anadir Elenir Pradi Vendruscolo.