Recentemente, dois cursos da modalidade educação a distância da Católica SC foram reconhecidos com conceito máximo pelo Ministério da Educação. Gestão de Recursos Humanos e Tecnologia em Logística foram avaliados com nota 5, demonstrando a qualidade do ensino e a possibilidade de se utilizar outras ferramentas na educação.

Na Católica SC prezamos pelo diálogo entre estudantes e professores. Mesmo na modalidade EAD, essa prática é constante, mantendo estudantes, coordenadores de polo, de curso e professores tutores disponíveis para sanar dúvidas e orientar os alunos.

Além disso, uma série de materiais, em diversos formatos, permite aprendizado dinâmico e acessível a todos os públicos.

O levantamento Mapa do Ensino Superior no Brasil, divulgado pelo Semesp, em junho deste ano, aponta que a procura por ensino a distância aumentou tanto entre instituições públicas quanto privadas.

A pesquisa também demonstrou que essa forma de ensino atrai pessoas mais velhas, que não tiveram chance de estudar quando jovem, além de cativar pelos preços mais acessíveis.

Nesse sentido, a modalidade EAD acaba contribuindo para a popularização da educação, atingindo diversos públicos e quem não teve oportunidades. Atualmente, 1,8 milhão de alunos, entre 18 e 24 anos, cursam o ensino a distância em diversas instituições.

Precisamos aceitar que a educação mudou, alinhada às transformações que a sociedade passa nos últimos tempos. Nós, da academia, devemos nos preparar para incorporar tais mudanças, ao mesmo tempo em que mantemos a qualidade do ensino de forma ética e criativa.

Mudar o olhar para a maneira como transmitimos conhecimento e, mais ainda, rever o papel do professor são temas que devem fazer parte dos tópicos de discussão das instituições de ensino, sejam elas públicas ou privadas.

A atuação com tecnologias e plataformas diferenciadas está cada vez mais inserida na área da educação. Nesse sentido, passa a ser importante não só saber utilizá-las, mas compreender como funcionam e o que representam.

Mais do que uma simples ferramenta ou um meio para atingir o fim, a tecnologia precisa ser abraçada como parte do processo formativo.

Por isso, a cada mudança de matriz curricular ou alteração nos métodos de ensino, nos reunimos para compreender os diferenciais, ao mesmo tempo em que treinamos nossas equipes para atuar nessas diferentes áreas.

O resultado apontado pelo MEC é só um dos reflexos desse trabalho constante de melhoria e formação.

Nossos professores são preparados para ser mentores e facilitadores do conhecimento. Os currículos se alinham às tendências mundiais, com parcerias que fortalecem o conteúdo e aproximam a academia do mercado.

Nos cursos EAD, por exemplo, os estudantes têm acesso à Central de Carreiras, com inúmeras vagas no mercado de trabalho e o que há de mais moderno em relação aos conteúdos.

Nosso desafio é realizar a curadoria e transformar os conteúdos online em informações importantes e necessárias para a formação de cada profissional. Atrelada às metodologias de ensino e recursos tecnológicos, buscamos a qualidade do ensino, reunindo o que há de melhor e mais inovador em cada área.

Uma educação de qualidade pode ser medida por uma série de fatores, mas um deles é imprescindível: a aplicação na vida pessoal e profissional daquilo que é estudado.

Quando essa aplicação ultrapassa barreiras e une disciplinas e ideias, entendemos que houve uma aprendizagem real e que desenvolve o ser humano, não só no meio intelectual, mas em seu comportamento e caráter.

É isso que buscamos nos cursos da Católica SC, sejam eles presenciais ou EAD, sempre prezando pela integração entre academia, mercado e sociedade.

A educação é sempre uma porta para inúmeras possibilidades e as novas tecnologias só contribuem para esse processo que se torna cada vez mais dinâmico e inovador.