“Para bem educar, é preciso antes de tudo amar e amar a todos igualmente”. Esta é apenas uma das frases de São Marcelino Champagnat a respeito do amor dos Maristas pela Educação. Nas escolas Maristas, é oferecida a educação cristã fundamentada no acolhimento, no respeito e no amor.

É desse amor que vêm as características da Educação Marista: presença junto a crianças, adolescentes e jovens; simplicidade nas relações; convivência baseada no espírito de família e formação que desenvolve o amor ao trabalho. Tudo isso é inspirado no jeito de Maria, a mãe de Jesus.

O sonho de São Marcelino Champagnat de evangelizar pela educação pode ser percebido no olhar atento das crianças quando ouvem a sua história contada pelas professoras e pela Pastoral Juvenil Marista.

Os estudantes participam ativamente e contribuem contando as suas versões: “Marcelino queria que todos conhecessem Jesus e Maria”; “Ele ajudava as pessoas”; “Construiu as escolas Maristas” e “Marcelino não gostava que faziam coisas ruins” são alguns dos comentários feitos pelos alunos do 1º ano.

Segundo Matheus, aluno do 4º ano, Champagnat sempre foi um homem muito bom. “Ele criou essa escola para educar os alunos com amor. Marcelino sempre fez parte do meu ser. Estudando aqui, me sinto honrado em ser um filho de Champagnat”, complementou. Para Sofia, do 3º ano, “Marcelino queria ensinar as crianças sobre Deus e ensiná-las a fazer o bem”. Arthur, do 2º ano, contribuiu dizendo que “os três principais valores de Champagnat são a humildade, a simplicidade e a modéstia. Ele é muito bom para nós”.

Para Marcelino Champagnat, o educar está intimamente ligado ao amor, que se traduz em cuidado, presença e afeto. Uma educação que tem essas características como ponto de partida oferece um itinerário educativo que proporciona o desenvolvimento humano em todas as dimensões da vida.

Dialogar com a criança faz parte do cotidiano da escola. Quando a criança fala, ela expressa seus sentimentos, seu conhecimento prévio e contribui com todos que estão próximos a ela. Fazemos a opção por uma educação para o diálogo, pois acreditamos que essa é uma atitude que promove a participação ativa dos estudantes, gerando relações positivas; pensamento crítico e interação entre os sujeitos, mecanismos favoráveis ao crescimento e ao desenvolvimento saudável.

Profª Daniela Brocca, Coordenadora do Ensino Fundamental Anos Iniciais e Integral do Colégio Marista São Luis. Graduada em Administração e Pedagogia. Pós-Graduada em Língua Inglesa; Neuropsicopedagogia Institucional e Clínica; Coaching e Análise Comportamental. Tem MBA em Gestão Educacional.