A Coluna Plenário desta sexta-feira (20) continua com a série de entrevistas com os cinco prefeitos da região de Jaraguá do Sul.

Hoje o prefeito de Schroeder Osvaldo Jurck (PSDB) comenta sobre as ações realizadas este ano no município e destaca os planos para 2020.

Único prefeito reeleito na região, Jurck diz que sai da Prefeitura com o sentimento de dever cumprido e torce para que o próximo prefeito continue com as ações desenvolvidas no município.

O prefeito de Corupá João Carlos Gottardi (PSD) abriu a série na terça-feira (17), na quarta-feira (18) foi o prefeito de Guaramirim Luís Antônio Chiodini, ontem foi a vez do prefeito de Massaranduba Armindo Sesar Tassi (MDB) e no sábado (21) será o prefeito de Jaraguá do Sul Antídio Lunelli (MDB) encerrando a série.

Confira a entrevista com o prefeito Osvaldo Jurck:

CP: Como foi o ano de 2019 para a administração de Schroeder?
Jurck: O trabalho na área pública é feito pelo bem comum e nossa administração tem muito comprometimento com o social, principalmente na prevenção. Este ano, conseguimos implantar as sedes para o Cras (Centro Norte) e Creas (Centro Sul). Já tínhamos as equipes formadas, mas agora elas têm espaço próprio o que facilita ainda mais o trabalho preventivo de atendimento à população.

CP: E como está a educação no município, prefeito. Quais os avanços nesta área?
Jurck: Na área educacional, entregamos uma escola maior no Centro da cidade com recursos no valor de R$ 3,5 milhões do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). A unidade conta com 12 salas de aulas, laboratório e pavilhão totalizando 3,2 mil m². No lugar onde era a escola antiga, usamos a estrutura para o pré-escolar para atendimento de crianças de 4 e 5 anos.

Também ampliamos o Centro de Educação no bairro Tomazelli, com aumento de 60 vagas, passando para 110 no total. Por intermédio do deputado Vicente Caropreso (PSDB), que nos auxiliou num convênio com o governo estadual para repasse de R$ 400 mil, vamos construir uma nova creche no bairro Itoupava-açu, com contrapartida de R$ 211 mil do município. Precisamos oferecer vagas de creche perto do local onde as pessoas moram.

Com esta nova creche, o município passará a ter cinco unidades e para aumentar ainda mais a oferta de vagas, estudamos a possibilidade de compra de vagas em creches particulares do município. Já no bairro Rio Hern, também melhoramos a quadra da escola local com a cobertura do espaço.

CP: Como foi o atendimento da área da saúde este ano, prefeito?
Jurck: Como falei sobre a área social, que focamos na prevenção, na saúde fazemos o mesmo. Temos 100% de cobertura do Programa Estratégia Saúde da Família (ESF) no município. E agora tivemos um grande avanço que foi abrir neste fim de ano o Pronto Atendimento 24 horas do município.

O espaço, onde funcionava o posto de saúde do Centro, foi totalmente reformado e remodelado para receber o PA. Antes o plantão de fim de ano era centralizado no posto do Centro e agora será realizado pelo Pronto Atendimento.

A administração do local foi terceirizada, e por meio de licitação. O PA ainda terá alguns ajustes para o próximo ano, com a aquisição de raio X, mas o atendimento a ser prestado neste primeiro momento vai de encontro ao que a população necessita.

Além disso, também temos o ESF ao lado do PA que também fará o atendimento preventivo ao longo do ano. Ainda na área da saúde, buscamos recursos para a construção de um posto de saúde no bairro Tomazeli onde já existe uma equipe de ESF e que pretendemos conseguir ajuda.

CP: E sobre a área de abastecimento como foram os investimentos?
Jurck: A Autaquia Águas de Schroeder teve um grande investimento na área de distribuição de água com a ampliação da Estação do Bracinho até o entroncamento com o Itoupava-açu, totalizando 3,5 km chegando a R$ 800 mil em recursos próprios.

Também contratamos uma empresa que fez o mapeamento de vazamentos na rede de distribuição de água com um investimento de R$ 140 mil. Descobrimos uma perda de 60% por causa da rede antiga e que agora pretendemos diminuir consideravelmente.

CP: A Prefeitura realizou financiamentos para pavimentações, inclusive para melhorar o acesso de turistas?
Jurck: Sim, este ano conseguimos o financiamento do Avançar Cidades no valor de R$ 4,5 milhões que está em licitação para a pavimentação de 12 ruas do município. Estas obras devem começar em janeiro.

No Prodetur fomos contemplados com o projeto para pavimentação das principais ligações dos bairros Bracinho, Itoupava-açu, Rancho Bom, Braço do Sul e Duas Mamas. O valor para estes projetos fica em torno de R$ 10 milhões e conseguimos graças à parceria entre a Associação Empresarial e o projeto DEL da Facisc que reconhecem nosso potencial turístico.

Também na área de obras, temos o projeto de fazer uma terceira ponte no município com 147 metros de extensão ligando os bairros São João, em Schroeder, ao Santa Luzia, em Jaraguá do Sul. Esta obra está orçada em R$ 6 milhões e pretendemos fazer uma parceria com a Prefeitura de Jaraguá.

Temos o projeto de construir um ginásio poliesportivo no município no valor de R$ 4 milhões para atrair mais eventos esportivos para nossa cidade que apoia e desenvolve o esporte de base o ano todo.

CP: Único prefeito reeleito na região, o senhor não pode concorrer nas próximas eleições, quais são seus planos políticos?
Jurck: Conseguimos fazer muito por Schroeder e pretendemos deixar tudo bem encaminhado para o próximo prefeito. Sobre o apoio para quem for candidato, estamos conversando com os partidos que compõe a coligação que nos elegeu (PSDB, PL, PDT e PT) e num primeiro momento temos o nome do meu vice, Adriano Kath (PSDB) para concorrer em 2020.

Na Câmara, temos uma convivência madura com os vereadores e discutimos todos os projetos antes de serem votados e aprovados.

Outro fato curioso que só acontece em Schroeder, é que todos os anos os ex-prefeitos e vice junto com os atuais se reúnem para falar sobre como está o município e isso é muito bom para a política e para a cidade como um todo.

Penso que seja essa união que faz com que Schroeder tenha conquistado ao longo dos anos índices excelentes como 4ª cidade mais igualitária do País (em 2015), e está entre as 10 cidades do Estado com melhor desempenho na aplicação dos recursos públicos, segundo o Tribunal de Contas do Estado. Isto nos deixa muito felizes e certos de que estamos no caminho certo.

CURTAS

Financiamento

Na sessão de terça-feira (17), a Câmara de Jaraguá do Sul aprovou em votação única, por nove votos favoráveis e um contrário de Arlindo Rincos (PSD), o Projeto de Lei nº 388/2019, que autoriza o Executivo a contratar Operação de Crédito com Banco do Brasil, com a garantia da União, para execução de obras de infraestrutura viária - pavimentação e recapeamento de vias, no valor de até R$ 60 milhões.

Pegou mal

O vereador Arlindo Rincos acabou passando por uma cena ridícula na votação do projeto, depois de criticá-lo questionando se a Prefeitura teria feito um levantamento da capacidade de endividamento, perdeu seu tempo na tribuna e continuou falando.

Diante do falatório de Rincos, ele perdeu o tempo da votação e depois de ter dito que iria pedir vistas ao projeto, acabou votando a favor e para completar pediu para mudar o voto para contra. Papelão.

Hospitais

Em abril de 2020, o secretário de Estado da Saúde deverá comparecer na Assembleia Legislativa de SC para prestar contas dos indicadores de produtividade e desempenho dos 13 hospitais públicos estaduais.

A medida é objeto de Projeto de Lei de autoria do deputado Vicente Caropreso (PSDB), aprovado em plenário esta semana. “É fundamental a socialização das informações como forma de avaliar os resultados atingidos e melhorar o processo de gestão hospitalar” afirma o deputado que foi secretário estadual da Saúde em 2017.

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram Jaraguá do Sul

Facebook Messenger