A Polícia Militar prendeu quatro pessoas que estavam fazendo o recolhimento de notas após o assalto em Criciúma, no Sul de Santa Catarina. Ao todo, foram localizados R$ 810 mil que se espalharam pelas ruas após a explosão da agência do Banco do Brasil, no Centro.

Vídeos que circulam nas redes sociais mostram pessoas recolhendo o dinheiro nas ruas da cidade. Muitas pessoas aproveitaram a oportunidade para pegar a grande quantidade de notas espalhadas.

"O dinheiro estava em três bolsas dentro de um apartamento próximo de onde ocorreu o roubo. Eles foram abordados e presos em flagrante. Não se tinha informação se foi com a participação dos criminosos ou se foi na fuga, porque ficou muito dinheiro espalhado nas calçadas", comenta o subcomandante-geral da PMSC, coronel Marcelo Pontes.

A Polícia Militar informou o crime foi registrado por volta das 23h50 desta segunda. Dezenas de criminosos usando armas longas com grosso calibre invadiram a cidade e roubaram uma agência do Banco do Brasil.

Os bandidos queimaram um veículo na frente do 9º Batalhão de Polícia Militar e em um túnel em Tubarão. Os criminosos também dispararam tiros na unidade e no Centro. Duas pessoas ficaram feridas, uma delas um policial militar.

As policias Militar, Civil, Rodoviária Federal e Federal estão atuando também na busca por informações que leve a captura dos criminosos. Todas as equipes de Inteligência das Forças de Segurança Pública também estão trabalhando em conjunto.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança