As polícias Civil e Militar prenderam os dois principais suspeitos de cometer uma tentativa de latrocínio em Jaraguá do Sul.

Os dois homens, de 19 e 21 anos, foram capturados após o Ministério Público de Santa Catarina pedir a prisão preventiva da dupla para a Justiça.

A investigação do crime ocorrido na rua Carlos Blanck, no bairro Vila Lalau, no dia 25 de agosto deste ano, foi feita pela Divisão de Investigação Criminal da Polícia Civil em Jaraguá do Sul e a pela Agência de Inteligência do 14º Batalhão de Polícia Militar.

 

 

De acordo com o delegado regional, Fabiano dos Santos Silveira, o homem de 21 anos foi preso após o cumprimento do mandado de prisão em Curitiba pela Polícia Civil do Paraná.

O outro suspeito, de 19 anos, acabou sendo detido por policiais militares em Jaraguá do Sul.

“Foi importante a parceria entre as polícias Civil e Militar. Desde o princípio, as investigações e a coleta de informações foram compartilhadas entre essas duas equipes, numa sinergia muito presente do Ministério Público e isso resultou numa rápida resposta para o crime”, comenta o delegado regional.

A prisão dos dois suspeitos contou com o apoio do promotor de Justiça Belmiro Hanisch Júnior, titular da 8ª Promotoria de Justiça da Comarca de Jaraguá do Sul.

Belmiro deu suporte para os policiais civis e militares com os pedidos de prisão e busca e apreensão.

“O MP vem colaborando com as polícias Civil e Militar, que prontamente foram ao encalço dos suspeitos, conseguindo identificá-los e, com isso, viabilizaram os mandados de prisão e busca”, avalia o promotor de Justiça, ao ressaltar que o processo segue em segredo de Justiça.

Crime grave

O trabalho de investigação feito pela Divisão de Investigação Criminal continua. De acordo com Silveira, a equipe chefiada pelo delegado Daniel Dias continua porque alguns detalhes sobre o crime precisam ser apurados.

“As diligências permanecem e, no momento oportuno, o delegado Daniel Dias vai entregar o inquérito para a Justiça. Aí, os meliantes vão poder por esse grave crime”, lembra o chefe da Polícia Civil em Jaraguá do Sul.

O delegado regional destaca que o crime praticado pela dupla sai da normalidade do que ocorre na região.

Silveira frisa que há um clima tranquilo na segurança pública de Jaraguá do Sul e que as forças de segurança estão atentas a situações “fora da curva”.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):