Nesta sexta-feira (10), o Ministério Público, por intermédio do promotor José Geraldo Rossi da Silva Cecchini, da 3ª Promotoria de Justiça de Ituporanga, solicitou a prisão preventiva do idoso de 77 anos que é o suspeito de assassinar o prefeito de Imbuia, João Schwambach (MDB). Segundo o promotor, há indícios suficientes que apontam que o homem foi, de fato, o autor dos disparos que mataram o prefeito.

Desde quarta-feira (8), dia em que o crime ocorreu, o suspeito está internado, em estado grave, no Hospital Regional de Rio do Sul. As investigações indicam que, após cometer o assassinato, o idoso retornou para casa e tentou tirar a própria vida com um tiro na cabeça.

A prisão preventiva solicitada pelo Ministério Público ainda depende de decisão judicial.

Relembre o caso

O prefeito João Schwambach morreu com dois tiros no peito por volta das 16h50 de quarta-feira (8). Imagens de câmeras, instaladas na Prefeitura, mostram Schwambach caminhando em direção a dois veículos parados no estacionamento. Ele conversa com uma pessoa que está dentro de um dos carros, quando é alvejado. O prefeito ainda tentou pedir socorro, mas aparece, em seguida, caído, já morto.

Segundo informações preliminares, o assassinato teria sido praticado por conta de uma desavença entre ambos, motivada por uma via que passaria pela propriedade do autor.

Quer receber as notícias no WhatsApp?