Os incêndios na Vila Machado e no bairro Nereu Ramos consumiram uma área de aproximadamente 500 mil metros quadrados de mata. De acordo com o comandante do Corpo de Bombeiros Voluntários de Jaraguá do Sul, Neilor Vincenzi, foram dois dos maiores incêndios já registrados na cidade.

O levantamento feito pela corporação aponta que o fogo consumiu uma área de 278 mil metros quadrados de mata na Vila Machado, no limite entre Jaraguá do Sul e Corupá. Nas proximidades da rua Pioneiro Luiz Sarti, no bairro Nereu Ramos, as chamas destruíram uma área de 222 mil metros quadrados.

Os dois incêndios ocorreram a cerca de dois quilômetros de distância. O fogo foi considerado extinto na manhã desta quinta-feira (28). Dezenas de bombeiros de toda a região e membros de outros grupos, como o Grupo Especialista em Resgate de Alto Risco e o Jeep Clube, trabalharam para fazer o combate em áreas de difícil acesso.

“Em 17 anos em que estou nos bombeiros voluntários, é o maior e o que mais tempo levou para combater. Eu não combati nenhum outro incêndio de tamanha proporção e dificuldade”, destaca Vincenzi.

De acordo com o comandante, nesta quinta, um grande número de bombeiros foi mobilizado para ir à região e averiguar a situação dos locais atingidos. Alguns focos de incêndio foram combatidos durante a manhã e a operação foi encerrada perto do meio-dia.

“A busca das orientações sobre as queimadas deve continuar. Precisamos continuar orientando para que as pessoas não façam queimadas, porque a mata está bastante seca”, ressalta Vincenzi, ao lembrar o importante trabalho da imprensa na divulgação das informações sobre as ocorrências.

Incêndios de grandes proporções

A pouca umidade no ar, os fortes ventos, a falta de chuvas e o relevo inclinado das áreas são considerados fatores essenciais para a que o incêndio tomasse essas proporções. Sem a possibilidade de acessos com os caminhões, o fogo foi combatido com abafadores, ferramentas e o chamado acero, a retirada da vegetação para isolar as chamas.

Além das equipes em terra, os helicópteros Arcanjo 3, do Batalhão de Operações Aéreas do Corpo de Bombeiros Militar, e Águia 7, da 3ª Companhia do Batalhão de Aviação da Polícia Militar, foram mobilizados nas operações para o combate às chamas.

 

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança