Procon de Araquari recebeu na sexta-feira (11), na unidade do Itinga, representantes da rede social Facebook, que protocolaram a resposta sobre notificação realizada pelo órgão de proteção e defesa do consumidor no mês de abril.

Leia mais: Procon de Araquari notifica Facebook

O Procon havia solicitado esclarecimentos sobre o vazamento de informações e as condições nas quais a empresa solucionará eventuais problemas oriundos da utilização desses dados. O Facebook revelou que o vazamento teria atingido 87 milhões de pessoas, sendo 442 mil usuários brasileiros.

No documento protocolado, que possui mais de 100 páginas, a rede social explica as soluções apresentadas sobre o vazamento e as medidas para evitar problemas como este.

Quer receber as notícias no WhatsApp? Clique aqui

Os representantes da empresa afirmaram ainda que estão prestando esclarecimentos nos países que atuam, tanto nas esferas nacionais ou municipais.

No mês de março, veículos da imprensa dos Estados Unidos e Reino Unido noticiaram que um dos desenvolvedores da rede social, coletou informações de milhões de pessoas usando um aplicativo e repassou à empresa de análise que utilizou os registros para influenciar eleitores e também os consumidores de produtos e serviços.

O Procon de Araquari foi o segundo órgão a notificar o Facebook Brasil pela ocorrência.