A Polícia Civil está investigando o assalto contra uma agência bancária em Criciúma. Desde a madrugada desta terça-feira (1º), policiais civis da Delegacia de Roubos e Antissequestro (DRAS) da Deic (Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) estão na cidade.

O secretário de Segurança e delegado-geral, Paulo Koerich, determinou que a unidade comandada pelo delegado Anselmo Cruz, outras delegacias da DEIC e a Core (Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais) participem dos esforços para a prisão dos assaltantes.

Os agentes também mobilizaram as polícias civis do Paraná e do Rio Grande do Sul, além da Secretaria Nacional de Segurança. O objetivo é realizar a união e integração dos esforços na ação policial ocorrida no Sul do Estado.

"Nós estamos em Criciúma acompanhando todas as ações policiais. Todas as forças policiais do estado de Santa Catarina estão trabalhando em conjunto para a busca de informações e da identificação dos autores desse crime”, destaca o delegado-geral.

Foto: Polícia Civil/Divulgação

Cruz ressaltou a importância da união de esforços entre todas as polícias para combater crimes com tamanha violência. De acordo com o delegado, diversas ações estão sendo realizadas pela Polícia Civil em conjunto com o Bope (Batalhão de Operações Policiais Especiais), pelo Batalhão de Choque e os PPTs (Pelotões de Patrulhamento Tático.

"Nós iremos trabalhar todos uníssonos na busca de informações que propiciem a identificação dos autores deste crime e para que eles sejam após devidamente identificados sejam responsabilizados na forma da legislação vigente”, destaca Cruz.

Receba no seu WhatsApp somente notícias sobre Segurança Pública da região (Trânsito, Operações Policiais. etc...):

Whatsapp

Grupo OCP Segurança

Telegram

OCP Segurança