As chuvas fortes que atingiram Santa Catarina na madrugada desta quinta-feira (17) provocaram estragos e deixaram desalojados em municípios do Vale do Itajaí. Em Presidente Getúlio, cidade em situação mais caótica, a Defesa Civil confirmou dez mortes e cerca de 20 desaparecidos, em função de uma forte enxurrada provocada por 125 milímetros de chuva em um espaço de apenas seis horas.

O governador Carlos Moisés (PSL) determinou que a Equipe de Força-Tarefa 15 de Rio do Sul apoie os trabalhos dos Bombeiros Voluntários na região. Ele também determinou o deslocamento do helicóptero Arcanjo-03 para atuar nos resgates.

 

“O momento é de solidariedade com todas as vítimas. Estamos trabalhando desde as primeiras horas e nossas equipes já estão no local para levar auxílio para aqueles que foram atingidos em Santa Catarina. A situação ainda é de cautela com novos temporais, por isso é importante que a população se mantenha atenta aos alertas da Defesa Civil”, afirmou Moisés.

 

Por telefone, o governador entrou em contato com os prefeitos de Rio do Sul, José Thomé, e Ibirama, Adriano Poffo, prestando solidariedade e colocando o Estado à disposição. Não foi possível entrar em contato telefônico com o prefeito de Presidente Getúlio, Nelson Virtuoso, porque a cidade está sem energia elétrica e telefonia.

 

 

Em Aurora, o rompimento de uma lagoa atingiu algumas casas provocando danos materiais e alagamentos pontuais. Até o momento, 15 famílias estão desabrigadas em virtude de cheia causada por um afluente do rio Itajaí-Açu. Os levantamentos continuam sendo realizados nos municípios atingidos.

Recebimento de alertas

A Defesa Civil de Santa Catarina reforça a importância do cadastro para o recebimento de alertas via SMS. Para isso, basta enviar uma mensagem de texto SMS para o número 40199 contendo no corpo do texto apenas o Código de Endereçamento Postal (CEP) do local que deseja ser monitorado.

Receba as notícias do OCP no seu WhatsApp: