A Polícia Civil prendeu um homem suspeito de receptar fios elétricos em Florianópolis. A ação faz parte de uma operação realizada pela 1ª Delegacia de Polícia da Capital, na tarde de quarta-feira (18).

A investigação identificou um depósito de fiação furtada de rede elétrica da Celesc e apurou que, somente em agosto, foi comercializada meia tonelada de cobre no local. No trabalho, os policiais civis cumpriram um mandado de busca e apreensão na região central de Florianópolis.

A investigação apura denúncias de receptação no endereço, onde há movimento de moradores de rua e usuários de drogas, de dia e noite.

 

 

Durante as buscas, foram encontrados fios e cabos provenientes de rede elétrica da Celesc e foi constatado que o responsável pelo local se utilizava de "gato de luz" para manter o seu comércio.

O investigado foi conduzido à Delegacia de Polícia e autuado em flagrante pelos crimes de receptação qualificada e de furto de energia elétrica. A ação contou com o apoio da Academia da Polícia Civil (Acadepol), de técnicos da Celesc e do Instituto Geral de Perícias (IGP).