Acusado de matar designer se entrega à polícia em Blumenau

Foto: Reprodução Redes Sociais/Rede OC Foto: Reprodução Redes Sociais/Rede OC

Segurança

Por: Claudio Costa

sexta-feira, 08:28 - 27/07/2018

Claudio Costa

Acusado da morte da ex-namorada, Éverton Balbinott de Souza, 31 anos, se entregou à Polícia Civil no início da tarde desta sexta-feira (27), em Blumenau. Ele teve a prisão preventiva decretada pela Justiça pelo assassinato da designer Bianca Mayara Wachholz, 29 anos.

O veículo em que Éverton estava parou em frente à Central de Polícia, no distrito do Garcia. Durante alguns segundos ele ficou diante dos jornalistas, mas disse apenas “Fiz e vou pagar”. O endereço em que o suspeito foi preso, no bairro Escola Agrícola, não foi divulgado.

Segundo a Polícia Civil, o pedido de prisão preventiva foi apresentado devido a todos os elementos, principalmente por ele ter fugido depois de cometer o crime. O pedido foi aceito pelo Judiciário ainda na noite de quinta-feira, meia hora depois de Éverton ter deixado a Central de Polícia.

Ele havia se apresentado espontaneamente, quando já não podia ser preso em flagrante. Éverton foi encaminhado ao Presídio Regional de Blumenau, onde ficará durante o andamento da investigação.

O acusado afirmou que usou um revólver calibre 38, que possuía há um ano, para cometer o crime. Ele teria jogado a arma num rio, assim como o próprio celular. Informalmente, disse ao delegado que está arrependido e que agiu num impulso.

Quer receber as notícias de segurança no Whatsapp? Basta clicar aqui

×