O 14º BPM (Batalhão de Polícia Militar) lançou, nesta terça-feira (25), a Operação Escola Protegida.

A ação tem como objetivo dar mais segurança para as unidades escolares de Jaraguá do Sul, Guaramirim, Schroeder, Massaranduba e Corupá.

 

 

De acordo com o comandante do 14º BPM, tenente-coronel Valdeci Oliveira da Silva, além de proporcionar mais segurança com uma presença mais efetiva nos estabelecimentos de ensino, a ação vai proporcionar mais interatividade entre os policiais militares e a comunidade escolar.

“A primeira fase da operação vai durar 30 dias. Durante esse período, os policiais militares farão visitas diárias em todos os estabelecimentos de ensino, sendo eles particulares e públicos, estaduais ou municipais”, explica Valeci.

Os Policiais Militares vão entrar em contato com a direção, professores, pais e alunos, sempre respeitando os protocolos de prevenção contra a disseminação do novo coronavírus.

Foto: 14º BPM/Divulgação

Valdecir reitera que a presença da Polícia Militar deve proporcionar aos alunos, pais, professores e vizinhos das escolas a segurança necessária ao bom andamento do ano letivo. A presença dos PMs deve prevenir e inibir a presença de pessoas estranhas nos arredores das áreas escolares.

Neste primeiro momento da operação, serão empregados os policiais do Proerd, da Radiopatrulha, PPT (Pelotão de Patrulhamento Tático), Canil e Rocam (Rondas Ostensivas com o Apoio de Motocicletas) para cumprirem o patrulhamento.

Posteriormente, a Patrulha Escolar vai dar continuidade para as visitas escolares.