Eduardo de Souza Rodrigues, 29 anos, é microempreendedor individual, já autuou no mercado publicitário e hoje é dono de uma cafeteria vegana. Está no PSOL desde 2013 e nunca exerceu nenhum cargo político.

Por que quer ser deputado estadual?

O estado brasileiro está dominado por interesses individuais e econômicos. A maioria dos políticos são financiados por grandes empresários o que faz com que o estado funcione apenas para os grandes interesses econômicos. Essa é a raiz dessa corrupção. Eu tenho compromisso com a sociedade. Por isso, não aceitamos dinheiro dos grandes. Quero representar os pequenos e os trabalhadores.

Qual é a sua principal bandeira? Por quê?

Dialogar e organizar os trabalhadores afetados pela reforma trabalhista. Os trabalhadores perdem muito com ela. Os terceirizados, os microempreendedores Individuais, os desempregados, foram empurrados para a informalidade para garantir alguma renda. Nós precisamos nos organizar e elaborar políticas que protejam e que garantam estabilidade para esses trabalhadores.

Leia mais:

Clarikennedy Nunes disputa seu quatro mandato como deputado estadual

Carlos Eduardo quer apresentar uma nova forma de legislar em Florianópolis

Quer receber as notícias no WhatsApp?