Embora não esteja concluído, o Parque da Inovação, em Jaraguá do Sul, já teve parte da estrutura dos quiosques depredados e a mureta do jardim sensorial, que estava praticamente pronta, danificada.

Para conter os recorrentes casos de vandalismo que o local está sofrendo, os setores de Administração, Tecnologia de Informação e Telecomunicações da Prefeitura já estão montando uma estrutura de vigilância por câmeras naquele espaço.

Segundo o gerente de telecomunicação da Prefeitura Joaquim Alberto Domingos, esse tipo de tecnologia já existe em outros pontos da cidade, como o Parque Linear Via Verde e o Centro Histórico.

“A ideia é colocar as câmeras em dois pontos estratégicos do Parque, que permitirão registrar tanto quem entra como quem está nas áreas mais visitadas como os quiosques”, explica.

Indignado com a situação, o prefeito Antídio Lunelli (MDB) chamou a atenção para o problema em sua rede social, destacando que o espaço, que fica no bairro Três Rios do Sul, será contemplado pelas pessoas que o destroem.

“Não gosto de começar o dia com notícias ruins, mas é triste ver que na mesma comunidade que poderia aproveitar este espaço, quando estiver concluído, há pessoas que depredam sua construção”, crítica.

Recentemente, imagens das câmeras de vigilância identificaram o pichador de prédios no Centro Histórico que acabou detido e vai responder por “dano ao patrimônio público”.

 

Veja mais

 

Receba as notícias do OCP no seu aplicativo de mensagens favorito:

WhatsApp

Telegram

Facebook Messenger