Se você já assistiu algum filme ou seriado sobre a cultura viking, certamente já ouviu falar sobre o Hidromel. Esta bebida, na cultura nórdica, era equivalente ao rum para os piratas ingleses e norte-americanos. Mas afinal, como ela é feita e por que ela tem esse nome?

Para responder a estas perguntas, basta entender o processo de produção da bebida. Os ingredientes básicos são água (hidro) e mel. Porém, para receber teor alcoólico, ela precisa passar pelo processo de fermentação com um ingrediente chamado "levedura" - utilizado em vinhos brancos.

Para que a fermentação aconteça de forma segura são necessários equipamentos específicos. Durante este processo, a bebida não pode entrar em contato com o ambiente, mas é necessária uma vasão de  ar.

Só assim o processo de fermentação irá acontecer da maneira certa, com o sabor e teor alcoólico perfeitos.

História do hidromel

Existe uma pequena rixa entre quem é mais antigo, o vinho ou o hidromel, mas o que se tem certeza é que a receita do hidromel é muito antiga.

Criada pelos vikings, ela dispensa o uso da agricultura para ser produzida. Ou seja: como a região nórdica era constantemente tomada pelo frio, o mel era o preferido por sua facilidade de conservação comparado à uva (vinho) e a cevada (cerveja).

Para eles, o hidromel tinha uma importância religiosa gigantesca, era uma bebida considerada a favorita entre seus deuses (Odin, Freya, Loki, Thor e etc).

Inclusive, o hidromel foi a bebida que deu origem ao termo "Lua-de-mel", uma vez que acreditavam que se os casais consumassem o casamento durante determinado ciclo lunar - após consumir a bebida, o primogênito seria homem.

Em Jaraguá tem Hidromel?

A resposta é sim! A Taverna Game of Lords fechou uma parceria com a Campina de Cascavel e adicionou duas opções ao cardápio de bebidas de inverno. Confira:

Velho Oeste

Esta é a receita mais tradicional da Campina da Cascavel. Ela tem um sabor amadeirado e um aroma bem específico. A dica da Campina é harmonizar com carnes assadas ou com qualquer refeição quente.

(Um viking mandou avisar que misturar este hidromel com chope fica uma delicia, mas cuidado a graduação alcoólica é de 13%)

Viking Blood

A coloração vermelha e intensa deste hidromel, por si só, já dá muita vontade de experimentar a bebida. Ela tem todas as características do hidromel, mas com o sabor mais refrescante do hibisco presente em sua composição.

Com um corpo leve, harmoniza muito bem com pratos de sabor mais intensos compostos por especiarias. Com proteínas, ela se destaca sendo uma boa opção para acompanhar tanto carnes quanto peixes.

Onde encontrar

Na rua Jorge Czerniewicz, 1098, no bairro Czerniewicz em Jaraguá do Sul. Para ficar por dentro das novidades, acesse o Facebook da Taverna Game of Lords, ou siga a casa ano Instagram. Para mais informações, ligue para o telefone: (47) 3055-0496.