Acostumadas com as dores de cabeça e enxaquecas, muitas pessoas acabam não buscando tratamento. De acordo com pesquisa realizada pela Academia Brasileira de Neurologia (ABN), 81% dos que sofrem deste problema praticam a automedicação.

Este problema pode ter diversas causas, mas uma das mais comuns é a enxaqueca tencional, causada pelo estresse. De acordo com o Fisioterapeuta Bruno Francisconi, a enxaqueca tencional, na maioria dos casos, está acompanhada de alguma dor na parte superior das costas.

"Quando estamos passando por um estresse, nossa região de trapézio e cervical fica extremamente tencionada e sentimos aquele peso nos ombros. Essa tensão pode gerar dor nas costas que se estende até a cabeça por excesso de tensão muscular", explica Francisconi.

Outro sintoma comum deste tipo de enxaqueca é a perda de sensibilidade na região cervical. Francisconi explica que esta é uma das formas de diferenciar uma enxaqueca causada por estresse das outras.

"Geralmente a enxaqueca tensional vem junto com perda de movimento cervical. O paciente não consegue realizar a flexão, extensão, rotações e inclinações livremente. Já as enxaquecas de outras origens, por exemplo a necessidade do uso de óculos, não geram perda de movimento cervical", explica o fisioterapeuta.

Diagnóstico especializado

De acordo com Francisconi, o diagnóstico deste tipo de problema acontece em duas etapas, a primeira é uma conversa onde se entende a rotina do paciente e se identifica o nível de estresse que é exposto diariamente. Na segunda o fisioterapeuta faz a avaliação cinesiofuncional, que torna possível avaliar como a coluna está se comportando ao fazer movimentos comuns.

Apesar de a causa mais comum das enxaquecas ser o estresse, elas podem ser sintomas de problemas muito mais graves. De acordo com Francisconi, existem alguns sintomas chamados "Red Flags" (bandeiras vermelhas), que podem indicar algum tipo de doença que o fisioterapeuta não tem formação para tratar.

O profissional explica que nestes casos o paciente é encaminhado para um neurologista, pois este profissional é quem poderá diagnosticar ou descartar doenças mais severas.

"Médicos e Fisioterapeutas têm que trabalhar juntos, assim quem se beneficia é o paciente", finaliza o profissional.

Smart Físio - ITC Vertebral

Foto: Piero Ragazzi/OCP News

A Smart Fisio - ITC Vertebral fica na rua Pastor Ferdinand Schlunzen, 194, Centro, de frente à creche Corujinha. Contato: (47) 3017-8545 | 9 9623-9512. Acompanhe também as redes sociais: Facebook | Instagram.

Profissional: Bruno Francisconi (CREFITO 10.193547-F).