A Prefeitura de Joinville confirmou neste sábado (23) o primeiro caso de varíola dos macacos na cidade.

O paciente é um homem de 29 anos, morador da zona Norte, que teve contato com uma pessoa infectada, no estado de São Paulo, há aproximadamente duas semanas.

 

 

Ele recebeu atendimento em uma Unidade de Pronto-Atendimento, onde coletou exames. Atualmente, segue monitorado pela Vigilância Epidemiológica da Secretaria da Saúde de Joinville em estado estável, cumprindo isolamento domiciliar.

Varíola do Macaco

A Varíola do Macaco é transmitida pelo vírus monkeypox e é considerada uma zoonose viral. Os sintomas são semelhantes aos da varíola, embora clinicamente menos graves.

Os principais sintomas incluem febre, linfonodos inchados, dores musculares e fraqueza profunda, acompanhados por bolhas (pústulas) que se manifestam de forma aguda e inexplicável.

Na maioria dos casos, o período de manifestação da doença é de 6 a 13 dias após o contato com alguém confirmado para a doença. A transmissão ocorre mediante contato físico próximo com lesões, fluidos corporais, gotículas respiratórias e materiais contaminados.